Resumo - Open Access.

Idioma principal

APRENDIZAGEM COLABORATIVA POR MEIO DO DESIGN CENTRADO NO HUMANO NAS DISCIPLINAS PROJETUAIS

Chaves, Iana Garófalo; Bittencourt, João Paulo;

Resumo:

As disciplinas de projeto de natureza teórico-prática estão presentes nas diferentes estruturas curriculares dos cursos de graduação em Design e suas habilitações no Brasil, sendo normalmente antecedidas por disciplinas que apresentam os fundamentos e metodologias para o desenvolvimento de produtos. N este artigo é adotada a abordagem do Design Centrado no Humano (DCH), pelo seu potencial em atender parte das necessidades e complexidades dos atuais projetos e contextos . Com o intuito de fomentar a retórica e a multidisciplinaridade entre os estudantes de design, o conhecimento da aprendizagem colaborativa surge como uma oportunidade de praticar a atividade projetual de forma multidisciplinar, devido à necessidade do desenvolvimento da competência de colaboração, assim como a transcendência dos vieses cognitivos decorrentes das atividades individuais. Na proposta do artigo são adotados especialmente os processos de construção do conhecimento: externalização, elicitação e construção de consenso. Dessa forma, o presente trabalho tem o como objetivo propor uma aproximação entre as etapas projetuais (tomando por base a abordagem do DCH) e a aprendizagem colaborativa, a partir de suas dimensões, visando compreender e atender a uma parcela das atuais complexidades e exigências das aspirações humanas, sociais e, consequentemente, dos projetos. Esta aproximação demonstra que a oportunidade de aprendizagem colaborativa, propiciada pelo uso do DCH, pode ser impulsionada pela adesão à visão da construção colaborativa de conhecimento . Entre os resultados dessa aproximação destacam-se as oportunidades reais de co-construção de novos significados, de modo que o aprendiz compreenda as complexidades inerentes ao projeto e ao ser humano, possa identificá-las e aplic á-las em novas e distintas situações.

Artigo selecionado para publicação na Strategic Design Research Journal (http://revistas.unisinos.br/index.php/sdrj)  — Disponível em breve 

Resumo:

PDF disponível em breve

Palavras-chave: Ensino do Design; Design Centrado no Humano; Aprendizagem Colaborativa; Construção Colaborativa do Conhecimento. Disciplinas projetuais.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/despro-ped2016-0197

Referências bibliográficas
  • [1] ABNT NBR ISO 9241-210. Ergonomia da interação humano-sistema Parte 210: Projeto centrado no ser humano para sistemas interativos. 201
  • [2] ALVARES, Maria Regina. O ensino do design: A interdisciplinaridade na disciplina de projeto em design. 2004. 163 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.
  • [3] BAXTER, Mike. Projeto de Produto: Guia Prático para o Desenvolvimento de Novos Produtos. São Paulo: Editora Edgar Blücher, 1998.
  • [4] BOLHUIS, Sanneke; VOETEN, Marinus J. M. Toward self-directed learning: What do teachers do? Teaching and Teacher Education, v.17, n.7, p.837–855, 2001.
  • [5] BOMFIM, Gustavo Amarante. Metodologia para o Desenvolvimento de Projetos . João Pessoa: Editora Universitária/UFPB, 199
  • [6] BONSIEPE, Gui. Design, cultura e sociedade. São Paulo: Blucher, 2011.
  • [7] ____. Design como prática de projeto. São Paulo: Blucher, 2012.
  • [8] ____ (coord.). Metodologia Experimental: Desenho Industrial. Brasília, CNPq / Coordenação Editorial, 1984.
  • [9] BOYER, Naomi R.; MAHER, Patrícia A.; KIRKMAN, Suzanne. Transformative Learning in Online Settings The Use of Self-Direction, Metacognition, and Collaborative Learning. Journal of Transformative Education, v.4, n.4, p. 335-361, 2006.
  • [10] BROWN, John Seely; COLLINS, Allan; DUGUID, Paul. Situated cognition and the culture of learning. Educational researcher, v.18, n.1, p. 32-42, 1989.
  • [11] BROWN, Tim. Design Thinking. Harvard Business Review. Junho, p. 84-92, 2008.
  • [12] CORREIA, Paulo R. M.; INFANTE-MALACHIAS, Maria E. Expanded collaborative learning and concept mapping: A road to empowering students in classroom. In: TORRES, P.L.; MARRIOTT, R.C.V. (Eds.), Handbook of research on collaborative learning using concept mapping (pp. 283–300). Hershey: Information Science Reference, 2009.
  • [13] COUTO, Rita Maria S.. Escritos sobre o design no Brasil. Rio de Janeiro: Rio Book’s, 2008.
  • [14] D.School. Institute of Design at Stanford. Disponível em: Acesso em maio 2016.
  • [15] DE MORAES, Dijon. Metaprojeto: o design do design. São Paulo: Blucher, 2010.
  • [16] DEWEY, John. Human Nature and Conduct. New York: Holt & Company, 1922.
  • [17] FISCHER, Frank et al. Fostering collaborative knowledge construction with visualization tools. Learning and Instruction, v.12, n.2, p.213-232, 2002.
  • [18] GIACOMIN, Joseph. What Is Human Centred Design? The Design Journal, v.17, n.4, p. 606-623, 2014.
  • [19] HCDI - Human Centred Design Institute. Disponível em: Acesso em maio 2016.
  • [20] IDEO. The field guide to Human-Centered Design: Kit de ferramentas. Disponível em: < http://www.designkit.org/resources/1> Acessado em maio de 2016.
  • [21] JANG, Yeona. Convenience matters: A qualitative study on the impact of use of social media and collaboration technologies on learning experience and performance in higher education. Education for Information, v.31, n.1e2, p.73-98, 2015.
  • [22] KEINONEN, Turkka. Protect and Appreciate: Notes on the Justification of User-Centered Design. International Journal of Design, v.4, n.1, p.17-27, 2010.
  • [23] KNESER, Cornelia; PLOETZNER, Rolf. Collaboration on the basis of complementary domain knowledge: Observed dialogue structures and their relation to learning success. Learning and Instruction, v.11, n.1, p.53-83, 2001.
  • [24] KREIJNS, Karel; KIRSCHNER, Paul A.; JOCHEMS, Wim. Identifying the pitfalls for social interaction in computer-supported collaborative learning environments: a review of the research. Computers in human behavior, v.19, n.3, p.335-353, 2003.
  • [25] KRIPPENDORFF, Klaus. Propositions of Human-centeredness: A Philosophy for Design. In: DURLING, D.; FRIEDMAN, K. (Eds.). Doctoral Education in Design: Foundations for the Future. Staffordshire (UK): Staffordshire University Press, 2000.p.55-63.
  • [26] LAVE, Jean; WENGER, Etienne. Situated learning. Cambridge, England: Cambridge Press, 1991.
  • [27] LIPPONEN, Lasse; HAKKARAINEN, Kai; PAAVOLA, Sami. Practices and orientations of CSCL. In: DILLENBOURG Pierre et al. (Vol. Eds.), What we know about CSCL: And implementing it in higher education (pp. 31-50). Boston, MA: Kluwer Academic Publishers, 2004.
  • [28] LÖBACH, Bernd. Desenho Industrial: Bases para configuração dos produtos industriais. São Paulo: Edgar Blücher, 2000.
  • [29] MUNARI, Bruno. Das coisas Nascem coisas. 2 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2008.
  • [30] NOVAK, Joseph D. Meaningful learning: The essential factor for conceptual change in limited or inappropriate propositional hierarchies leading to empowerment of learners. Science Education, v.86, n.4, p.548–571, 2002.
  • [31] NUSSBAUM, Miguel et al. Technology as small group face-to-face Collaborative Scaffolding. Computers & Education, v.52, n.1, p.147-153, 2009.
  • [32] ROOZENBURG, Norbert. F. M.; EEKELS, Johannes. Product design: fundamentals and methods. New York: John Wiley & Sons, 1995.
  • [33] SAIIA, David; MACY, Granger; BOYD, Maureen. Meaningful learning in management: recombining strands of knowledge DNA through engaged dialog and generative conflict. Organization Management Journal, v.5, n.3, p.167-179, 2008.
  • [34] SAWYER, R. Keith; DeZUTTER, Stacy. Distributed creativity: How collective creations emerge from collaboration. Psychology of Aesthetics, Creativity, and the Arts, v. 3, n.2, p. 81-92 , 2009.
  • [35] STRIJBOS, Jan-Willem; FISCHER, Frank. Methodological challenges for collaborative learning research. Learning and Instruction, v.17, n.4, p.89-393, 2007.
  • [36] VOLET, Simone; SUMMERS, Mark; THURMAN, Joanne. High-level co-regulation in collaborative learning: How does it emerge and how is it sustained?. Learning and Instruction, v.19, n.2, p.128-143, 2009.
  • [37] VYGOTSKY, Lev Semenovich . Mind in society. Cambridge, MA: Harvard University Press, 1978.
  • [38] ____. Pensamento e linguagem. 4 ed. São Paulo: Martins Editora, 2008.
Como citar:

Chaves, Iana Garófalo; Bittencourt, João Paulo; "APRENDIZAGEM COLABORATIVA POR MEIO DO DESIGN CENTRADO NO HUMANO NAS DISCIPLINAS PROJETUAIS", p. 2304-2316 . In: Anais do 12º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 9, n. 2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/despro-ped2016-0197

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações