Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Apontamentos sobre Guias Turísticos e Design da Informação

Approaches about Tourist Guidebooks and Information Design

Scherer, Fabiano de Vargas; Monsú, Stefani Zilli;

Artigo Completo:

Este trabalho parte da importância que os guias turísticos exercem sobre as escolhas e decisões de viajantes/usuários, e todas as suas implicações. Propõe relacionar os princípios básicos/diretrizes de design da informação de Redig (2004) como forma de organização e estruturação no projeto de guias turísticos. Tais princípios referem-se à quantidade e conteúdo (concisão, clareza, coloquialidade e cordialidade), organização e apresentação (analogia, consistência e ênfase) e acesso a informação (senso de oportunidade e estabilidade). Assim, tendo como premissa que todo projeto da área de design da informação é focado no usuário, buscou-se analisar os tipos de guias e seus leitores para apontar os aspectos pertinentes ao projeto específico de guias turísticos.

Artigo Completo:

This article originates on the influence that tourist guidebooks have over the traveling decisions of its users. It proposes to relate the basic information design principles from Redig (2004) as means of organizing and structuring guidebook’s projects. These principles refer to the amount of content (conciseness, clarity, colloquiality, cordiality); the manner of organizing and presenting information (analogy, consistency, emphasis); and finally to information access (opportunity sense and stability).Therefore, assuming that every information design project is focused on the user, an analysis of different types of guidebooks and its readers was made on the effort of pointing out relevant aspects for designing a tourist guidebook.

Palavras-chave: guia turístico, design da informação, design gráfico,

Palavras-chave: tourist guidebook, information design, graphic design,

DOI: 10.5151/designpro-CIDI2015-cidi_21

Referências bibliográficas
  • [1] BACELAR, J. 2003. A Matéria-prima do design de informação. In: Congresso Internacional de Design da Informação, 1º, 2003, Recife. Anais 1° Congresso Internacional de Design da Informação. Recife: SBDI.
  • [2] CALLADO, A. 2007. Manual de uso da cidade. In: Congresso Internacional de Design da Informação, 3º, 2007, Curitiba. Anais 3° Congresso Internacional de Design da Informação. Curitiba: SBDI.
  • [3] FERREIRA, A. 2011. Guias Turísticos Impressos e Suas Dimensões de Análise. 2011. Departamento de Turismo, Universidade Federal Fluminense (UFF), Niterói. Andlt; http://www.proac.uff.br/turismo/sites/default/files/Amanda_Ferreira_-_TCC_-_Guias_turisticos_impressos_e_suas_dimensoes_de_analises_-nov_2011.pdfAndgt;, 23/04/201
  • [4] FRASCARA, J. 2011. Qué es el diseño de información? Buenos Aires: Infinito.
  • [5] LIPTON, R. 2007. The Practical Guide to Information Design. Hoboken: Wiley.
  • [6] MIJKSENAAR, P. 1997. Visual Function: An Introduction to Information Design. New York: Princeton Architectural Press.
  • [7] O''GRADY, J. V.; O''GRADY, K. V. 2008. The Information Design Handbook. Ohio: F+W Publications.
  • [8] REDIG, J. 2004. Não há cidadania sem informação, nem informação sem design. InfoDesign - Revista Brasileira de Design da Informação, n. 1. Andlt;http://www.infodesign.org.br/revista/public/journals/1/No.1Vol.12004/InfoDesign_v1_n1_2004_04_Redig.pdf?download=1Andamp;phpMyAdmin=H8DwcFLEmv4B1mx8YJNY1MFYs4eAndgt;, 05/06/2013.
  • [9] SCHERLE, N. 2000. Gedruckte Urlaubswelten. Kulturdarstellungen in Reiseführern: Das Beispiel Marokko. München/Wien: Profil Verlag.
  • [10] ZILLINGER, M. 2004. German tourists and their use of guidebooks in Sweden: The influence of guidebooks on the choice of tourist destinations and travel routes. Östersund: ETOUR – European Tourism Research Institute. Andlt; http://urn.kb.se/resolve?urn=urn:nbn:se:miun:diva-8231Andgt;, 11/04/ 2013.
  • [11] ZILLINGER, M. 2007. Guided Tourism: the Role of Guidebooks in German Tourist Behaviour in Sweden. 2007. 146 f. Tese (Doutorado) - Department Of Social Sciences, Mid Sweden University, Östersund. Andlt; http://miun.diva-portal.org/smash/record.jsf?pid=diva2:133806Andgt;, 11/04/2013.
  • [12] WANG, R.; STRONG, D. M. 1996. Beyond Accuracy: What Data Quality Means to Data Consumers. In: Journal of Management Information Systems. Vol 12, N. 4, Spring, 5-33.
  • [13] WRIGHT, P. 2011. Diseñando información para el lugar de trabajo. In: FRASCARA, J. 2011. Qué es el diseño de información? Buenos Aires: Infinito.
  • [14] WURMAN, R. S. 1991. Ansiedade de Informação. São Paulo: Cultura.
Como citar:

Scherer, Fabiano de Vargas; Monsú, Stefani Zilli; "Apontamentos sobre Guias Turísticos e Design da Informação", p. 11-21 . In: . In: C. G. Spinillo; L. M. Fadel; V. T. Souto; T. B. P. Silva & R. J. Camara (Eds). Anais do 7º Congresso Internacional de Design da Informação/Proceedings of the 7th Information Design International Conference | CIDI 2015 [Blucher Design Proceedings, num.2, vol.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2318-6968, ISBN: 978-85-8039-122-0
DOI 10.5151/designpro-CIDI2015-cidi_21

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações