Setembro 2017 vol. 4 num. 1 - VIII Encontro Científico de Física Aplicada

Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

ANÁLISE DO GRAU DE CRISTALINIDADE DA ESCÓRIA DA ARCELORMITTAL TUBARÃO

Silva, M. F.; Orlando, M. T. D.; Dieguez, A. C. O.; Moreira, R. F. T.; Magalhães, D. C.; Martins, J. B. R.;

Artigo Completo:

Com o objetivo de analisar o grau de cristalinidade da escória de alto forno, foram coletadas quatro amostras oriundas da empresa ArcelorMittal Tubarão. As amostras foram posteriormente maceradas e passadas por uma peneira de 100 µm, para que fossem analisadas pelo método de difração de raios X. Com o resultado desta análise de difração, identificou-se que o material possuía uma grande quantidade de fase amorfa (cerca de 90% da amostra) e, a partir da subtração desta fase, obteve-se a fase cristalina, correspondendo a 10% da escória. O amorfo é composto, em quase sua totalidade, por dióxido de silício (SiO2) e óxido de cálcio (CaO), e a parte cristalina do material é composta basicamente por quatro tipos de componentes (Fe3C, MgFe2O4, Fe2SiO4, Fe2O3!H2O). Futuros estudos serão feitos para determinar se o resultado trata-se de um caso geral ou se ocorreu especificamente no lote analisado.

Artigo Completo:

In order to analyze the degree of crystallinity of blast furnace slag, four samples were collected from Arcelor Mittal Tubarão. The samples were then macerated and passed through a 100 µm sieve so that they could be analyzed by the X-ray diffraction method. With the result of this diffraction analysis, it was identified that the material had a large amount of amorphous phase (around 90% of the sample) and, from the subtraction of this phase, the crystalline phase, corresponding to 10% of the slag, was obtained. Amorphous is composed almost entirely of silicon dioxide (SiO2) and calcium oxide (CaO), and the crystalline part of the material is composed basically of four types of components (Fe3C, MgFe2O4, Fe2SiO4, Fe2O3!H2O). Future studies will be conducted to determine whether the result is a general case or whether it occurred specifically in the analyzed batch.

Palavras-chave: Amorphous, Crystal, Slag, X-ray diffraction,

Palavras-chave: Amorphous, Crystal, Slag, X-ray diffraction,

DOI: 10.5151/phypro-viii-efa-17

Referências bibliográficas
  • [1] MOREIRA, C. C.. Características e Desempenho da Escória de Alto Forno como Agregado para Utilização em Camadas Granulares de Pavimento, 2006. 37ª Reunião Anual de Pavimentação, 11º Encontro Nacional de Conservação Rodoviária, 37ª RAPv/11º ENACOR, N°103, Goiânia-GO, 2006.
  • [2] THOMAZ, E. C. S.. Escória de Alto Forno – Parte 1 – Fabricação. Instituto Militar de Engenharia, Rio de Janeiro-RJ.
  • [3] VÁCLAVÍK, V.; DIRNER, V.; DVORSKÝ, T.; DAXNER, J.. The Use of Blast Furnace Slag, 2012. Metalurgia 51 (2012) 4, p. 461-462
Como citar:

Silva, M. F.; Orlando, M. T. D.; Dieguez, A. C. O.; Moreira, R. F. T.; Magalhães, D. C.; Martins, J. B. R.; "ANÁLISE DO GRAU DE CRISTALINIDADE DA ESCÓRIA DA ARCELORMITTAL TUBARÃO", p. 68-71 . In: . São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2358-2359, DOI 10.5151/phypro-viii-efa-17

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações