Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

ANÁLISE DAS IDENTIDADES VISUAIS DAS PRIMEIRAS UNIVERSIDADES BRASILEIRAS

Rosumek, Gisele Baumgarten; Sousa, Richard Perassi Luiz de;

Artigo Completo:

A proposta do presente estudo é analisar a linguagem visual utilizada nas marcas gráficas das primeiras universidades brasileiras: do Rio de Janeiro, do Paraná, da Bahia e de Minas Gerais. Realizou-se um estudo Descritivo, Qualitativo, Documental. Os documentos analisados foram coletados por meio de contato com os departamentos de Comunicação ou Arquivo Histórico das respectivas universidades. Como principais resultados destaca-se que três universidades mantém o mesmo símbolo criado desde sua fundação, em alguns casos passando somente por ajustes técnicos. Três utilizam um brasão ou emblema, seguindo os princípios da Heráldica, enquanto a quarta representa-se por meio de um símbolo pictórico evocando de forma estilizada a silhueta de seu prédio principal, em estilo Neoclássico.

Artigo Completo:

Palavras-chave: marcas; identidade visual; universidades brasileiras; história do ensino superior.,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/despro-ped2016-0393

Referências bibliográficas
  • [1] AAKER, David A. Criando e administrando marcas de sucesso. São Paulo: Futura, 200
  • [2] BOAS, Sérgio Vilas. Ensino Superior Particular: um vôo histórico. São Paulo: Segmento, [2004].
  • [3] BÔAS, Rafael Villas. The Campus Experience. São Paulo: Summus/Hoper, 2008.
  • [4] CAMPOS, André Ricardo Paim de. NAPOLEÃO, Eduardo. PERASSI, Richard. Atributos Gráficos da Heráldica em Marcas Comerciais. Revista DA Pesquisa. Florianópolis, n. 9. ano 9, p.444-463. [2012]
  • [5] CHAVES, Vera Lúcia Jacob. Expansão da privatização/mercantilização do ensino superior brasileiro: a formação dos oligopólios. Educação e Sociedade. Campinas, v. 31, n. 111, p. 481-500, abr.-jun. 2010.
  • [6] COSTA, Joan. A imagem da marca: um fenômeno social. São Paulo: Rosari, 2008.
  • [7] DANTAS, Tiago. Minerva. Brasil Escola. Disponível em: . Acesso em 29 mai. 2016.
  • [8] DENIS, Rafael Cardoso. Uma introdução à história do design. São Paulo: Edgard Blucher, 2000.
  • [9] FINGER, Almeri Paulo. A Gestão Universitária no Brasil: a busca de uma identidade. In: FINGER, Almeri Paulo (org.). Gestão de Universidades: novas abordagens. Curitiba: Champagnat, 1997. p.11-24.
  • [10] FRUTIGER, Adrian. Sinais e símbolos: desenho, projeto e significado. 2ªed. São Paulo: Martins Fontes, 2007.
  • [11] GARGANTINI, Marisa Bueno Mendes. O Desafio do Ensino Superior Brasileiro Frente ao Novo Paradigma. In: FINGER, Almeri Paulo (org.). Gestão de Universidades: novas abordagens. Curitiba: Champagnat, 1997. p. 95-136.
  • [12] GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4ª ed. São Paulo, Atlas, 2009.
  • [13] GUIMARÃES, Julio Cesar Ferro de. COUTINHO, Carina Vedooto Scheneider. LAIN, Gabriela Cristina. MILAN, Gabriel Sperandio. SEVERO, Eliana Andréa. Inovação de marketing em instituições de ensino superior da serra gaúcha. Revista GUAL, Florianópolis, v. 6, n. 2, p. 79-105, abr. 20
  • [14] MELO, Chico Homem de. Os desafios do designer & outros textos sobre design gráfico. São Paulo: Rosari, 2003.
  • [15] NUNES, Getúlio Tadeu. LANZER, Edgar Augusto. SERRA, Fernando. FERREIRA, Manuel Portugal. Abordagem do marketing de relacionamento no ensino superior. Gestão & Regionalidade, v. 24, n.69, p.62-78, jan-abr/2008.
  • [16] OLIVEIRA, Antonio José Barbosa. Das Ilhas À Cidade – A Universidade Visível: a construção da cidade universitária da Universidade do Brasil (1935-1950). 2005. 142 f. Dissertação (mestrado) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Curso de Pós-Graduação em História Comparada.
  • [17] PERASSI, Richard. A visualidade das marcas institucionais e comerciais como campo de significação. In: XXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DA COMUNICAÇÃO, 2001, Campo Grande. Anais... Campo Grande, Intercom, 2001.
  • [18] PROENÇA, Maria das Graças Vieira. História da Arte. 16 ed. São Paulo: Ática, 2000.
  • [19] SÁ, Tulio Henrique Mandolesi. PERASSI, Richard. Skeumorfismo e flat design: a dupla estilística da marca Rede Globo de televisão nas interfaces gráfico-digitais. In: II SEMINÁRIO DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DA MARCA, 2014, Florianópolis. Anais... Florianópolis, CCE-UFSC, 2014. p. 108-116.
  • [20] STRUNCK, Gilberto. Como criar identidades visuais para marcas de sucesso. Rio de Janeiro: Rio Books, 2001.
  • [21] UFBA. Manual de Identidade Visual. Disponível em: . Acesso em: 24 mai. 2016.
  • [22] UFMG. Manual de Aplicação da Marca. Disponível em: . Acesso em: 24 mai. 2016.
  • [23] UFPR. Histórico. Disponível em: < http://www.ufpr.br/portalufpr/historico-2/>. Acesso em: 20 mai. 2016.
  • [24] UFRJ. Minervas da UFRJ. Disponível em: < https://www.ufrj.br/minervas>. Acesso em: 16 mai. 2016.
  • [25] WHEELER, Alina. Design de identidade de marca. 2ª ed. Porto Alegre: Bookman, 2008.
Como citar:

Rosumek, Gisele Baumgarten; Sousa, Richard Perassi Luiz de; "ANÁLISE DAS IDENTIDADES VISUAIS DAS PRIMEIRAS UNIVERSIDADES BRASILEIRAS", p. 4565-4577 . In: Anais do 12º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 9, n. 2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/despro-ped2016-0393

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações