Resumo - Open Access.

Idioma principal

ABORDAGENS DO DESIGN NO CENÁRIO CONTEMPORÂNEO: ENSAIO ESTRUTURAL SOBRE AS RELAÇÕES ENTRE TEORIA E PRÁTICA

Oliveira, Gabriel Henrique de; Oliveira, Simone Souza de; Teixeira, Maria Bernadete Santos;

Resumo:

O presente estudo apresenta um ensaio estrutural que busca explicitar a relação do design com a sociedade a partir do levantamento das relações entre teoria e prática, e como essas respondem de maneira diferente às mudanças sociais. Tal desenvolvimento parte do entendimento da profissão como fruto de três grandes processos históricos: industrialização, urbanização moderna e globalização, considerando os desafios decorrentes de tais desenvolvimentos. Com base em referencial teórico, propõe-se uma estrutura de análise que leva em conta as várias visões sobre a atividade projetual . Foi construída uma classificação das chamadas abordagens do design em três categorias - habilitações, ênfases e conteúdos transversais - buscando compreender as possíveis relações entre es sas. Tanto o ensaio estrutural quanto as caracterizações propostas pretendem a brir espaço para a discussão acerca das múltiplas visões sobre a área do design e como elas conjugam teoria e prática com as constantes mudanças sociais que impactam o exercício e o pensamento a respeito da profissão.

Artigo selecionado para publicação na Strategic Design Research Journal (http://revistas.unisinos.br/index.php/sdrj)  — Disponível em breve 

Resumo:

PDF disponível em breve

Palavras-chave: Teoria em Design; Cenário Contemporâneo; Teoria e Prática; Abordagens do Design;,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/despro-ped2016-0061

Referências bibliográficas
  • [1] BAUMAN, Zygmunt. Globalização: as conseqüências humanas. Rio de Janeiro: Zahar, 1999. 145 p.
  • [2] ______. Vida líquida. Rio de Janeiro: Zahar, 2009. 210 p.
  • [3] BONSIEPE, Gui. Design como prática de projeto. São Paulo: Blucher, 2012.
  • [4] ______. Design, cultura e sociedade. São Paulo: Blucher, 2011.
  • [5] BROWN, Tim. Change by Design: How Design Thinking Transforms Organizations and Inspires Innovation. Harper Business, 2009)
  • [6] BUCHANAN, R. “Rhethoric, Humanism and Design”. In: BUCHANAN, R; MARGOLIN, V. (Org.). Discovering Design: Explorations in Design Studies. Chicago, III.: University of Chicago Press, 1995. apud. LOCKWOOD, Thomas. Transition: becoming a design-minded organization. In: LOCKWOOD Thomas (Org). Design thinking: integrating innovation, customer experience, and brand value. New York: Design Management Institute, 2010. p. 81-95
  • [7] CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2003. 698 p
  • [8] CARDOSO, Rafael. Uma introdução à história do design. São Paulo: Blucher, 200
  • [9] CELASCHI, Flaviano. A contribuição do designer ao design process. In: DE MORAES, Dijon. Metaprojeto: o design do design. São Paulo: Blucher, 2010.
  • [10] COUTO, Rita Maria de Souza . Contribuição para um Design Interdisciplinar. In: Estudos em Design, Rio de Janeiro, Aend-BR, 1999
  • [11] ______, Rita Maria de Souza. Escritos sobre ensino de Design no Brasil. Rio de Janeiro: Rio Book's, 2008.
  • [12] DE MORAES, Dijon. Metaprojeto: o design do design. São Paulo: Blucher, 2010.
  • [13] GOMES FILHO, João. Design do objeto: bases conceituais. São Paulo: Escrituras Editora, 2006.
  • [14] HOCKER, Ulmer. Design I'm Alltag, editora Campus, Frankfurt, New york 2007, pp. 128-136 apud BONSIEPE, Gui. Design, cultura e sociedade. São Paulo: Blucher, 2011.
  • [15] LOCKWOOD, Thomas. Transition: becoming a design-minded organization. In: LOCKWOOD Thomas (Org). Design thinking: integrating innovation, customer experience, and brand value. New York: Design Management Institute, 2010. p. 81-95
  • [16] LOVE, Terrence. Philosophy of design: a meta-theoretical structure for design theory’ Design Studies Vol 21 (2000)
  • [17] MANZINI, E.; VEZZOLI, C. O Desenvolvimento de Produtos Sustentáveis. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2011.
  • [18] MORAES, Dijon de. Metaprojeto: o design do design. São Paulo: Blucher, 2010.
  • [19] MOZOTA, Brigitte Borja de. Gestão do design: usando o design para construir valor de marca e inovação corporativa. Porto Alegre: Bookman, 2010. 343 p.
  • [20] NIEMEYER, Lucy. Design no Brasil: origens e instalação. 2. ed. Rio de Janeiro: 2AB, 1998.
  • [21] MARGOLIN, Victor. A política do artificial: ensaios e estudos sobre design. Rio de Janeiro: Record, 2014.
  • [22] MARTIN, Roger L. The Design of Business: Why Design Thinking is the Next Competitive Advantage. Harvard Business Review Press, 2009.
  • [23] SCHENEIDER, Beat. Design - uma introdução: o design no contexto social, cultural e econômico. São Paulo: Editora Blucher, 2010.
  • [24] THACKARA, John. In the Bubble : designing in a complex world. MIT press. 2005
Como citar:

Oliveira, Gabriel Henrique de; Oliveira, Simone Souza de; Teixeira, Maria Bernadete Santos; "ABORDAGENS DO DESIGN NO CENÁRIO CONTEMPORÂNEO: ENSAIO ESTRUTURAL SOBRE AS RELAÇÕES ENTRE TEORIA E PRÁTICA", p. 708-719 . In: Anais do 12º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 9, n. 2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/despro-ped2016-0061

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações