Resumo expandido - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

A TÉCNICA DA COLAGEM NO PROCESSO CRIATIVO ASSOCIADO À CRIAÇÃO DE ILUSTRAÇÕES NÃO-DIGITAIS E DIGITAIS.

A TÉCNICA DA COLAGEM NO PROCESSO CRIATIVO ASSOCIADO À CRIAÇÃO DE ILUSTRAÇÕES NÃO-DIGITAIS E DIGITAIS.

Júnior, José de Ribamar Matos ; Maia, Ivana Márcia de Oliveira;

Resumo expandido:

O propósito da utilização da técnica do desenho à mão livre não é uma tarefa fácil, considerando as características de idealizar e representar graficamente, ou seja, pelo processo mental que se propõe pelo uso de linhas, formas e cores. Para Costa (2006), a ferramenta do desenho à mão livre (analógico) é muito importante no processo criativo de ilustrações não-digitais e digitais, mas nem sempre a técnica é dominada no que diz respeito à construção de formas básicas. O domínio do desenho à mão livre depende de processos cognitivos que envolvem a percepção visual aliados em um processo mental e manual que exigem prática constante. Segundo Castral (2011), corroborado por Mensato (2013) a forma de se utilizar um lápis sobre uma folha de papel para elaborar um desenho difere da utilização de um mouse ou caneta digital pressionada sobre um tablet, pois os processos interativos são outros e contato visual e gráfico também. Sendo assim, observa-se tais problemas na relação complicada para muitos alunos de artes, comunicação visual, design de móveis, arquitetura, etc., na representação gráfica de suas ideias, acerca de um problema gráfico proposto, para criarem uma ilustração não-digital e digital, que posteriormente será vetorizada e renderizada digitalmente. Diante de tal dificuldade pode-se propor outros meios de representação visual gráfica, sendo que uma delas é a da técnica da colagem artística, como mediadora ao desenho à mão livre. A colagem artística foi muito utilizada por artistas como Pablo Picasso e Georges Braque, que deram a ela um grande destaque dentro do Cubismo na criação de suas obras de arte. A referida técnica, por ser uma forma muito antiga de representação gráfica, nunca esteve tão viva na contemporaneidade, nos meios digitais, onde é denominada de colagem digital. A adoção da técnica da colagem artística como mediadora ao desenho à mão livre pode ser uma forma facilitadora para que alunos que têm dificuldades com a representação gráfica em seus projetos acadêmicos, principalmente quando estão lidando com ilustrações não-digitais e digitais. Diante de tal situação, tem-se a seguinte questão: Como a colagem artística pode ser usada como mediadora ao desenho à mão livre, na criação e materialização de ilustrações não-digitai e digitais? A referida questão nos levou à Revisão Sistemática da Literatura (RSL), realizado no período de 2015 até 2020, nos idiomas português, inglês e espanhol, para contribuir na construção do estado da arte acerca dos temas envolvidos, que foram obtidos nas bases de dados Google Acadêmico, Biblioteca Digital Brasileira e Periódicos Capes. Portanto, a definição da pesquisa é de avaliar as dificuldades dos alunos, geradas pelas inabilidades no traçado manual de desenhos e analisar a aplicabilidade da colagem artística como mediadora ao desenho à mão livre nas criações de ilustrações não-digitais e digitais, que venha colaborar na formação acadêmicas de alunos com problemas no uso da representação gráfica. Metodologicamente, propõe-se como alvo da pesquisa os alunos da disciplina ilustração digital I do curso técnico de Comunicação Visual do IFMA/ Campus São Luís - Monte Castelo. Espera-se como resultado o desenvolvimento de metodologia de mediação gráfica entre a colagem artística, o desenho à mão livre, a ilustração não-digital e digital , considerando os princípios ergonômicos que permeiam a construção do conhecimento nesta área.

Resumo expandido:

__

Palavras-chave: colagem artística, desenho à mão livre, criatividade, ilustração não-digital e ilustração digital,

Palavras-chave: __,

DOI: 10.5151/jopdesign2021-36

Referências bibliográficas
  • [1] "CASTRAL, P. C.; VIZIOLI, S. H., O desenho à mão-livre mediado pelo tablete. The freehand drawing mediated by tablet XV CONGRESO DE LA SOCIEDAD IBEROAMERICANA DE GRÁFICA DIGITAL. SIGRADI 201
  • [2] COSTA, Henrique. Desenho Digital: A Possibilidade de Desenho Artístico. Dissertação de Mestrado em Desenho. Universidade de Lisboa, Faculdade de Belas Artes. 2006.
  • [3] MARTINO. Jarryer Andrade. Dissertação de Mestrado: A importância do croqui diante das novas tecnologias no processo criativo. Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação. Programa de Pós-Graduação em Desenho Industrial. Bauru, 2007.
  • [4] MARTINS, Ronei Ximenes; RAMOS, Rosana. Metodologia de pesquisa: guia de estudos. Lavras: UFLA, 2013, p. 8-21.
  • [5] MENSATO, I. M., VIZIOLI, S. H. Relatório de atividades “O desenho analógico e o desenho digital: novas metodologias?” Universidade de São Paulo, Instituto de Arquitetura e Urbanismo Pró – Reitoria de Graduação Programa ensinar com pesquisa. São Carlos, 2013.
  • [6] PIRES, Carlos Manoel Gomes. Dissertação de Mestrado em Comunicação. Universidade de Lisboa, Faculdade de Belas Artes. 2011.
  • [7] VARTULI, Maximilian de Aguiar. O Design do Desenho: Análise de Ferramentas de Desenho Digital no Projeto de Produto. Dissertação de Mestrado Acadêmico em Design. Programa De Pós-Graduação em Design, Universidade do Estado de Santa Catarina. Centro de Artes – CEART: Florianópolis 2016.
  • [8] "
Como citar:

Júnior, José de Ribamar Matos ; Maia, Ivana Márcia de Oliveira; "A TÉCNICA DA COLAGEM NO PROCESSO CRIATIVO ASSOCIADO À CRIAÇÃO DE ILUSTRAÇÕES NÃO-DIGITAIS E DIGITAIS.", p. 302-304 . In: Anais da II Jornada de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Design - UFMA. São Paulo: Blucher, 2021.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/jopdesign2021-36

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações