Resumo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

A prática da ornamentação de carrocerias de caminhão no estado de São Paulo: forma, cor, aprendizado e técnica

Truck body ornamentation practice in the state of São Paulo (Brazil): shape, color, learning and technique

Queiroga, Jonas Silva; Farias, Priscila Lena;

Resumo:

Em contraposição à modernidade, automação e a tecnologia das montadoras de veículos, carrocerias de caminhão brasileiras em madeira são fabricadas de forma artesanal, em pequenas empresas, em geral, familiares. Nestas fábricas costuma existir um funcionário encarregado pela pintura e ornamentação das carrocerias com desenhos popularmente conhecidos como ‘filetes’. Estes ornamentos são produzidos de forma integrada ao processo de fabricação das carrocerias, o que os diferencia de outros tipos de elementos ornamentais ou informativos que são acrescentados a veículo depois que o cliente já está com o caminhão e a carroceria em mãos, como pinturas em lameiras, frases de para-choque, adesivos e outros tipos de customização. Este trabalho apresenta resultados de um estudo etnográfico com o objetivo de investigar a prática da produção de filetes, em 15 fábricas de carroceria selecionadas no Estado de São Paulo. Os filetes foram estudados em sua visualidade (equilíbrio, simetria, ritmo, movimento, formas recorrentes, cores e combinações de cores recorrentes); em relação aos seus aspectos técnicos de produção (procedimentos e ferramentas utilizadas na pintura de carrocerias de madeira); e no que diz respeito às relações de agência entre pintor e carroceria (analisando o fenômeno sob o olhar da teoria da antropologia da arte de Alfred Gell). A investigação, pautada por três frentes (visual, técnica e antropológica) permitiu uma análise do fenômeno de forma a aproximar design, antropologia e a prática cotidiana dos pintores de carroceria.

Resumo:

In contrast to the modernity, automation and technology of vehicle manufacturers, Brazilian wooden truck bodies are handcrafted in small, often family-owned businesses. Those companies usually have an employee in charge of painting and ornamenting bodies, with designs popularly known as ‘filetes’. These ornaments are produced as part of the manufacturing process of wooden truck bodies, which differentiates them from other kinds of ornamental or informative elements that are added to the vehicle once the customer is in possession of the truck and it’s body, such as paintings on mud flaps, lettering added to bumpers, stickers and other kinds of customization. This paper presents the results of an ethnographic study that aimed to investigate the practice of filete painting in 15 selected factories in the State of São Paulo. The ornaments were studied in what regards their visuality (balance, symmetry, rhythm, movement, recurring shapes, colors and recurring color combinations); the technical aspects of their production (procedures and tools used to paint wooden bodies); and regarding the agency relations between painter and truck body (analyzing the phenomenon from the perspective of Alfred Gell's theory of anthropology of art ). The research guided by three fronts (visual, technical and anthropological) allowed for an analysis of the phenomenon that brought design, anthropology and daily practice of truck body painters closer together.

Palavras-chave: Design visual; ornamentos; filetes; carroceria de madeira,

Palavras-chave: Visual design; ornaments; truck art; truck body,

DOI: 10.5151/3spgfauusp-3SPDesign_05.pdf

Referências bibliográficas
Como citar:

Queiroga, Jonas Silva; Farias, Priscila Lena; "A prática da ornamentação de carrocerias de caminhão no estado de São Paulo: forma, cor, aprendizado e técnica", p. 5 . In: Anais do 3º Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Design da FAUUSP. São Paulo: Blucher, 2020.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/3spgfauusp-3SPDesign_05.pdf

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações