Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

A POLÍTICA DO TABLETE EDUCACIONAL NO ENSINO DE INGLÊS EM ESCOLAS DO ESTADO DO PARANÁ

ESPURI, Paulo Henrique;

Artigo Completo:

Desenvolvimentos tecnológicos na área de informação e comunicação têm gerado inúmeras ferramentas e desencadeado práticas sociais nas quais seus usos são considerados indispensáveis. Por esse motivo, são também objeto de políticas governamentais que buscam ampliar seu acesso a diversas camadas da população. Este trabalho objetiva analisar criticamente a política do tablete educacional, tanto em relação aos textos oficiais que a representam quanto no que se refere à sua realização em escolas públicas do Estado do Paraná. A fim de alcançar o referido objetivo, a pesquisa apoia-se nos estudos de Ball (2012), Ball, Braun e Maguire (2012) e Mainardes (2006) acerca de políticas educacionais, bem como nas contribuições de Selwyn (2010, 2013) relativas à análise crítica de TIC em contextos educacionais. Os dados (textos oficiais que representam a política, 226 respostas de professoras e professores de diversas disciplinas e regiões do Estado do Paraná a um questionário e 10 entrevistas semiestruturadas com professoras de inglês) foram analisados com base no referencial supracitado. Os resultados preliminares apontam conflitos entre os propósitos da política e as ações empreendidas na sua realização em escolas públicas no Estado do Paraná.

Artigo Completo:

Palavras-chave: Tecnologias de informação e comunicação; política educacional; tablete educacional,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/edupro-clafpl2016-052

Referências bibliográficas
  • [1] ABREU, C. C. F. de; NOGUEIRA, D. X. P. O uso dos tablets na educação: estudo comparativo entre uma escola pública e uma escola privada no Distrito Federal, 2013. Disponível em: http://bdm.unb.br/handle/10483/786 Acesso em: 19 jun. 2015.
  • [2] ABREU, K. C. K.; KRAEMER. K. História e usos da Internet. BOCC. Biblioteca On-line de Ciências da Comunicação, v. 2009, p. 01-09, 2009.
  • [3] BALL, S. J.; MAGUIRE, M.; BRAUN, A. How schools do policy: policy enactment in secondary schools. Nova Iorque: Routledge, 2012.
  • [4] BARCELOS, G. T. et al. Uso educacional de tablets: estudo de caso na formação inicial de professores de matemática. Renote: Revista Novas Tecnologias na Educação, Porto Alegre, v. 11, n. 1, p.1-10, jul. 2013. Semestral. Disponível em: . Acesso em: 16 jun. 2015.
  • [5] BRAGA, D. B.. Tecnologia da informação e comunicação e novos letramentos. In: BRAGA, Denise Bértoli. Ambientes digitais: reflexões teóricas e práticas. São Paulo: Cortez, 2013.
  • [6] BRASIL. Apresentação, 201-. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/portaldecompras/index.php/produtos/tablet-educacional/tablet-educacional-apresentacao. Acesso em: 19 jun. 2015
  • [7] BRASIL. Decreto nº 5.542. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2004-2006/2005/Decreto/D5542.htm. Acesso em: 22 abril. 2016
  • [8] BRASIL. Preços Registrados, 201-. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/portaldecompras/index.php/produtos/tablet-educacional/tablet-educacional-precos-registrados. Acesso em: 22 jun. 2015
  • [9] BRASIL. Pregões Anteriores, 201-. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/portaldecompras/index.php/produtos/tablet-educacional/tablet-educacional-pregoes-anteriores. Acesso em: 19 jun. 2015
  • [10] BRASIL. Programa Banda Larga nas Escolas (PBLE), 201-. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/programas/programa-nacional-de-tecnologia-educacional-proinfo/proinfo-programa-banda-larga-nas-escolas-pble. Acesso em: 22 jun. 2015.
  • [11] BRASIL. Programa um computador por aluno (PROUCA), 201-. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/programas/programa-nacional-de-tecnologia-educacional-proinfo/proinfo-tablets. Acesso em: 22 jun. 2015
  • [12] BRASIL. Projeto um computador por aluno (UCA), 201-. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/programas/programa-nacional-de-tecnologia-educacional-proinfo/proinfo-projeto-um-computador-por-aluno-uca. Acesso em: 22 jun. 2015
  • [13] BRASIL. Tablets, 201-. Disponível em: http://www.fnde.gov.br/programas/programa-nacional-de-tecnologia-educacional-proinfo/proinfo-tablets. Acesso em: 26 maio. 2015
  • [14] BRIGGS, A.; BURKE, P. Uma história social da mídia: de Gutenberg à Internet. Tradução: DIAS, M. C. P. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ltda, 2006.
  • [15] CHARMAZ, K. Constructing Grounded Theory: a practical guide through qualitative analysis. Londres: SAGE Publications, 2006.
  • [16] CRUZ, A. G. da; NERI, D. F. de M. A inserção de tablets em escolas da rede pública estadual na cidade de Petrolina-PE: uma percepção dos educadores educandos. Revista de Educação do Vale do São Francisco - Revasf, Petrolina, v. 4, n. 6, p.06-26, dez. 2014.
  • [17] GIACOMAZZO, G. F.; FIUZA, P. J. A implantação do tablet educacional na perspectiva dos professores. Revista Tecnologias na Educação, v. 11, p. 1-10, 2014.
  • [18] LEMOS, A. Ciber-Cultura-Remix. In: Denize Correia Araújo. (Org.). Imagem. (Ir) Realidade, Comunicação e Cibermídia. Porto Alegre: Editora Sulina, 2006, v. 1, p. 52-65.
  • [19] LIBÂNEO, J. C. Politicas educacionais no Brasil: desfiguramento da escola e do conhecimento escolar. Cadernos de Pesquisa (Fundacao Carlos Chagas), v. 46, p. 38-62, 2016.
  • [20] NASCIMENTO, U. L. S. do. FREIRE, M. L.de F. Um relato da experiência da capacitação de professores para o uso do tablet educacional. 2014. 29f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Fundamentos da Educação: Práticas Pedagógicas Interdisciplinares) - Universidade Estadual da Paraíba, Itabaiana, 2014.
  • [21] SELWYN, N. O uso das TIC na educação e a promoção de inclusão social: uma perspectiva crítica do Reino Unido. Educ. Soc., Campinas , v. 29, n. 104, p. 815-850, Out. 2008
  • [22] PIERRE, Lévy. A nova relação com o saber. In: PIERRE, Lévy. Cibercultura. Tradução de Carlos Irineu da Costa. São Paulo: Editora 34, 1999.
  • [23] PRENSKY, M.: Digital Natives Digital Immigrants. In: PRENSKY, M. On the Horizon. NCB University Press, Vol. 9 No. 5, outubro, 2001.
  • [24] NEVES, A. M.; CARDOSO, R. C. SIMPÓSIO HIPERTEXTO E TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO, 4, 2013, Pernambuco. Os desafios do uso do tablet pelos professores do ensino médio das escolas públicas do Distrito Federal. [Pernambuco]: Ufpe, 2013. 22 p. Disponível em: . Acesso em: 12 jun. 2015.
  • [25] UNESCO. Brasil no rumo da inclusão, 2008. Disponível em: http://unesdoc.UNESCO.org/images/0015/001585/158502por.pdf. Acesso em: 26 maio. 2015.
  • [26] REAL, L. M. C.; TAVARES, M. N. R.; PICETTI, J. dos S. WORKSHOPS DO CONGRESSO BRASILEIRO DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO, 2., 2013, Campinas. Formação de Professores para o Uso Educacional de Tablets no Ensino Médio: possíveis mudanças na prática pedagógica. Campinas: Universidade Estadual de Campinas Campinas, 2013. 9 p. Disponível em: . Acesso em: 21 jun. 2015.
Como citar:

ESPURI, Paulo Henrique; "A POLÍTICA DO TABLETE EDUCACIONAL NO ENSINO DE INGLÊS EM ESCOLAS DO ESTADO DO PARANÁ", p. 655-676 . In: . São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2318-695X, DOI 10.5151/edupro-clafpl2016-052

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações