Resumo - Open Access.

Idioma principal

A memória de uma nova cidade presente nas telas do cinema. São Paulo: Sociologia, Cinema e Memória

FILHO, Fernando José;

Resumo:

A presente monografia teve como objetivo central discutir imagens fílmicas que representem as mudanças urbanas e culturais pelas quais a cidade de São Paulo passou no período compreendido entre o final da década de 20 e início da década de 30. Essas mudanças agregam um conjunto de processos nos quais a cidade de São Paulo – antes uma vila provinciana – acaba por transformar-se em uma metrópole. Ao escolher e analisar estas imagens é perceptível qual o desejo de cidade que alguns grupos sociais dominantes pretendiam construir. Além disso, ao apontar as modificações que estavam acontecendo no período, compreendemos como elas impactavam nas relações sociais e principalmente na estrutura social de memória.

Resumo:

Palavras-chave: Memória – Indivíduo – Cinema – Mudanças – Cidade de São Paulo.,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/socsci-secunifesp2015-0019

Referências bibliográficas
  • [1] AUMONT, Jacques. A estética do filme. Campinas: Papirus Editora, 1995.
  • [2] _________. A imagem. Campinas: Papirus Editora, 1993, 16ª ed.
  • [3] BARBOSA, Andréa. São Paulo Cidade Azul: Ensaios sobre as imagens da cidade no cinema paulista nos anos 1980. São Paulo: Editora Alameda, 2012.
  • [4] BENJAMIN, Walter. (1980) A obra de arte na época de suas técnicas de reprodução. In: Os Pensadores. São Paulo: Abril Cultural, p. 3 - 28.
  • [5] BILL, Nichols. Introdução ao documentário. Campinas: Papirus Editora, 200
  • [6] CARONE, Edgard. A evolução industrial de São Paulo (1889-1930). São Paulo: Editora Senac, 2001.
  • [7] CATANI, Afrânio Mendes. A Sombra da outra (um estudo sobre a cinematografia Maristela e o cinema industrial paulista dos anos 50). Dissertação de Mestrado. FFLCH-USP: São Paulo, 1983. p. 599.
  • [8] CHARNEY, Léo; SCHWARTZ, Vanessa (org.). O cinema e a invenção da vida moderna. São Paulo: Cosac Naif, 2001.
  • [9] DELEUZE, Gilles. A Imagem-tempo: cinema II. São Paulo: Brasiliense, 2007. Tradução: Eloisa Araújo Ribeiro.
  • [10] DUVIGNAUD, Jean. ‘’Problemas de Sociologia da Arte’’. In: Sociologia da Arte. vol. 1. (org. Gilberto Velho). Rio de Janeiro: Ed. Zahar, 1971. Este artigo transcrito do Cahiers Internationaux Sociologie, vol. 26, 1959.
  • [11] GALVÃO, Maria Rita Elieser. Crônica do Cinema Paulistano. São Paulo: Ática, 1975.
  • [12] GAUTHIER, GUY. O documentário, um outro cinema. Campina: Papirus, 2011.
  • [13] GATTI, André Piero. A cidade esquecida. Facom. No14, p. 20-40. 1º semestre de 2005.
  • [14] GIDDENS, Anthony. A transformação da intimidade: sexualidade, amor e erotismo nas sociedades modernas. Trad: Magda Lopes. São Paulo: Editora Unesp, 1992.
  • [15] GOMES, Paulo Emílio Salles. Cinema: Trajetória no Subdesenvolvimento. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2006.
  • [16] _______. ‘’A personagem cinematográfica’’. In: GUINSBURG, J. (org.). A personagem de ficção - Coleção debates. São Paulo: Perspectiva, 2005.
  • [17] HALBWACHS, Maurice. A memória coletiva. São Paulo: Editora Centauro, 2004. Tradução: Beatriz Sidou.
  • [18] KRACAUER, Siegfried. O ornamento da massa. São Paulo: Cosac Naif, 2009.
  • [19] ___________. Theory of film. The redemption of physical reality. New Jersey: Princeton University Press, 1997.
  • [20] LABAKI, Amir. Introdução ao documentário brasileiro. São Paulo: Francis, 2006.
  • [21] LEITE, Sidney Ferreira. Cinema brasileiro. Das origens à retomada. Perseu Abramo: São Paulo, 2005.
  • [22] MACHADO JR., Rubens L. R. São Paulo em movimento. A representação cinematográfica da metrópole nos anos 20. Dissertação de mestrado. ECA-USP, 1989, 160p.
  • [23] MORAIS DA COSTA, Fernando. O som no cinema brasileiro. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2008.
  • [24] MORETTIN, Eduardo. Dimensões históricas do documento brasileiro no período silencioso.
  • [25] Revista Brasileira de História. São Paulo, v.45, nº49, 2005. p.125-152.
  • [26] __________. A Imagem cinematográfica do passado brasileiro construída pelos imigrantes nas décadas de 20 e 30: adesão ou dissonância. SOCINE ANO IV. São Paulo: Editora Panorama, 2003.
  • [27] NAZARIO, Luiz (org). A cidade imaginária. São Paulo: Perspectiva, 2005.
  • [28] PAIVA, Samuel; SCHVARZMAR, Sheila (org.). Viagem ao cinema silencioso no Brasil. Rio de Janeiro: Editorial Beco do Azougue, 2011.
  • [29] PAREYSON, Luigi. Os problemas da estética. São Paulo: Martins Fontes, 2005.
  • [30] RAGO, Margareth. ‘’A invenção do cotidiano na metrópole: sociabilidade e lazer em São Paulo, 1900-1950’’. In: PORTA, Paula (org.). Historia da Cidade de São Paulo: A cidade a primeira metade do Século XX. São Paulo: Paz e Terra, 2004. p. 387-453
  • [31] ROCHA, Glauber. Revisão Critica do Cinema Brasileiro. São Paulo: Cosac&Naif: 2003.
  • [32] ROVAI, Mauro Luiz. Projeto Univercine: exibição e debates de filmes brasileiros de 2010-2012. São Paulo: FAP – UNIFESP, 2013.
  • [33] ______. Imagem, tempo e movimento. Os Afetos “Alegres” no filme O Triunfo da Vontade, de Leni Riefenstahl. São Paulo: Humanitas/FAPESP, 2005.
  • [34] SALVADORE, Waldir. São Paulo em Preto & Branco: Cinema e Sociedade nos anos 50 e 60. São Paulo: AnnaBlume, 2005.
  • [35] SANTOS, Myrian Sepúlveda. Memória Coletiva e Teoria Social. São Paulo: AnnaBlume, 2012.
  • [36] SCHPUN, Raisa Mônica. O cinema mudo em São Paulo: experiências de italianos e italianas, práticas urbanas e códigos sexuados. Revista ArtCultura. Uberlândia, v.9, n. 14, p. 71-78, jan. jun. 2007.
  • [37] SIMMEL, Georg. Questões Fundamentais da Sociologia: Indivíduo e Sociedade. Rio de Janeiro: Editora Zahar, 2006.
  • [38] ________. O dinheiro na cultura moderna. In: Jessé Souza e B. Oëlz (orgs), Simmel e a Modernidade. Brasília: Editora UNB, 1998. p. 109 a 117.
  • [39] ________. ‘’O estrangeiro’’. In: FILHO, Evaristo de Moraes (org.), Simmel – Sociologia. São Paulo: Ática. Coleção Grandes Cientistas Sociais, 1983. vol. 34. p.182-188.
  • [40] SORLIN, Pierre. Sociología del Cine: La apertura para la historia de mañana. Mexico: Fondo de Cultura Económica, 1992.
  • [41] VANOYE, Francis; GOLIOT-LÉTÉ, Anne. Ensaio sobre a análise fílmica. Campinas: Papirus Editora, 2011.
  • [42] WEBER, Max. (1986) A 'objetividade' do conhecimento nas Ciências Sociais. In: Coleção Grandes Cientistas Sociais: Max Weber. São Paulo: Ática, v.13, pp. 79 – 127 e 128 - 41.
  • [43] Berlim, sinfonia de uma metrópole– 1927. Dir. Walter Ruttmann. Alemanha. P&B, 65 min. Título original: Berlin: Die Sinfonie der Grosstadt. O homem com a câmera– 1929. Dir. DzigaVertov. (ex)União Soviética. P&B, 68 min. Título original: Chelovek s kino-apparatom.
  • [44] Rien que les heures – 1926. Dir. Alberto Cavalcanti. França. P&B, 45 min. São Paulo, a symphonia da metrópole. Dir. Adalberto Kemeny e Rodolfo RexLustig. Brasil, P&B, 90 min.
  • [45] São Paulo S/A – 1965. Dir. Luis Sérgio Person. Brasil, P&B, 111 min.
  • [46] Simão, o Caolho – 1952. Dir. Alberto Cavalvanti. Brasil, P&B, 93 min
Como citar:

FILHO, Fernando José; "A memória de uma nova cidade presente nas telas do cinema. São Paulo: Sociologia, Cinema e Memória", p. 125-134 . In: Anais do VIII Semana de Ciências Sociais UNIFESP - Educação com o Recorte de Combate às Opressões [=Blucher Social Science Proceedings, v.2, n.1].. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2359-2990, DOI 10.5151/socsci-secunifesp2015-0019

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações