Artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

A formação do docente universitário e seus reflexos no ensino e no perfil da formação profissional

A formação do docente universitário e seus reflexos no ensino e no perfil da formação profissional

Caldas, Morgana Bada; Volpato, Gildo;

Artigo:

O presente artigo de revisão objetiva compreender a formação dos professores universitários e os reflexos dela na formação profissional para além das habilidades técnicas específicas da profissão, mas em sentido ao desenvolvimento de um cidadão crítico que seja pessoal e profissionalmente comprometido com a melhoria da qualidade de vida e das relações sociais que o circundam. Analisando-se as circunstâncias históricas que permeiam a trajetória da universidade brasileira em favor de uma formação tecnicista, denota-se, consequentemente, a ausência de formação pedagógica da maioria dos professores que atuam no ensino superior. Tal fato acaba por fomentar as práticas atuais de ensino, que apenas reproduzem a maneira como estes docentes foram formados, mantendo-se o acadêmico como mero receptor de conhecimentos prontos e acabados. Por fim, este estudo traz elementos para uma reflexão acerca da importância de uma rede coletiva de esforços, composta por professores, instituições de ensino e políticas legislativas, que busque a superação da lógica atual de seleção e formação dos professores universitários, em direção à elaboração de condições para um ensino superior que propicie uma formação profissional crítica ao estudante.

Artigo:

O presente artigo de revisão objetiva compreender a formação dos professores universitários e os reflexos dela na formação profissional para além das habilidades técnicas específicas da profissão, mas em sentido ao desenvolvimento de um cidadão crítico que seja pessoal e profissionalmente comprometido com a melhoria da qualidade de vida e das relações sociais que o circundam. Analisando-se as circunstâncias históricas que permeiam a trajetória da universidade brasileira em favor de uma formação tecnicista, denota-se, consequentemente, a ausência de formação pedagógica da maioria dos professores que atuam no ensino superior. Tal fato acaba por fomentar as práticas atuais de ensino, que apenas reproduzem a maneira como estes docentes foram formados, mantendo-se o acadêmico como mero receptor de conhecimentos prontos e acabados. Por fim, este estudo traz elementos para uma reflexão acerca da importância de uma rede coletiva de esforços, composta por professores, instituições de ensino e políticas legislativas, que busque a superação da lógica atual de seleção e formação dos professores universitários, em direção à elaboração de condições para um ensino superior que propicie uma formação profissional crítica ao estudante.

Palavras-chave: Formação docente. Pedagogia. Ensino superior. Formação profissional,

Palavras-chave: Formação docente. Pedagogia. Ensino superior. Formação profissional,

DOI: 10.5151/eduforadacaixa-01

Referências bibliográficas
  • [1] ANASTASIOU, L. das G. C.; PIMENTA, S. G. Docência no ensino superior. São Paulo: Cortez, 2002, v.
  • [2] CUNHA, M. I. da. O professor universitário na transição de paradigmas. 1. ed. Araraquara: JM Editora, 1998.
  • [3] CUNHA, M. I. da. Diferentes olhares sobre as práticas pedagógicas no ensino superior: a docência e sua formação. Revista Educação. Porto Alegre: EDIPUCRS, ano XXVII, n. 3 v. 54, p. 525-536, set./dez. 2004.
  • [4] DEMO, P. Pesquisa: princípio científico e educativo. 14ª ed. São Paulo: Cortez, 2011.
  • [5] FERRY, G. Pedagogia de la formación. Buenos Aires: Novedades Educativas, 1997.
  • [6] FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 51ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015.
  • [7] GIL, A. C. Metodologia do ensino superior. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2008.
  • [8] LEITE, C.; RAMOS, K. Formação para a docência universitária: uma reflexão sobre o desafio de humanizar a cultura científica. Revista Portuguesa de Educação, v. 25, n.1, p. 7-27, 2012.
  • [9] MASETTO, M. T. Competência pedagógica do professor universitário. São Paulo: Summus, 2003.
  • [10] MOITA, M. da C. Percursos de formação e de trans-formação. In: NÓVOA, António. Vidas de professores. 2ª ed. Porto: Porto Editora, 2000, p. 111-140.
  • [11] PINTO, D. B. B. Ensino jurídico em São Paulo: desafio da formação (a experiência da PUC-SP). 2013. 267 f. Tese (Doutorado em Programa de Estudos Pós-Graduados Ciências Sociais), Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo: 2013.
  • [12] SEVERINO, A. J. A busca do sentido da formação humana: tarefa da Filosofia da Educação. Educação e Pesquisa, v.32, n.3, p. 619-634, set./dez. 2006.
  • [13] ZABALZA, M. A. O ensino universitário: seu cenário e seus protagonistas. Tradução de Ernani Rosa. Porto Alegre: Artmed, 2004.
  • [14] ZABALZA, M. A. Uma nova didáctica para o ensino universitário: respondendo ao desafio do espaço europeu de ensino superior. Santiago de Compostela: U. Porto, 2006.
Como citar:

Caldas, Morgana Bada; Volpato, Gildo; "A formação do docente universitário e seus reflexos no ensino e no perfil da formação profissional", p. 3-14 . In: Anais Inovação na educação - Pontes para futuros fora da caixa. Anais do III Encontro Internacional de Inovação na Educação e III ConheCER. São Paulo: Blucher, 2020.
ISSN 2318-695X, DOI 10.5151/eduforadacaixa-01

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações