Artigo completo - Open Access.

Idioma principal

A ESTABILIDADE DOS INVESTIMENTOS PÚBLICOS ESTADUAIS EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO NO PERÍODO DE 2000 A 2016

Gonçalves, Bruno Setton; Santana, José Ricardo de; Rapini, Márcia Siqueira;

Artigo completo:

O presente artigo tem o objetivo de analisar o posicionamento dos estados quanto à execução da despesa pública em Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) entre 2000 e 2016. Para tal foi proposto um coeficiente de estabilidade dos investimentos em CT&I, utilizando a estatística descritiva como ferramenta analítica. Foi possível classificar os estados em quatro grupos distintos. Os estados com níveis de gastos e coeficiente de estabilidade superior à média nacional, estados com abaixo volume de gastos e alto coeficiente de estabilidade, estados com baixo nível de gastos e com instabilidade desses gastos e os estados com níveis altos de investimento, porém com coeficientes de estabilidade abaixo da média nacional. Tais resultados confirmam a hipótese de que a produção cientifica e tecnológica e os transbordamentos de conhecimento não se distribuem de forma equânime entre as regiões e estados, havendo uma aglomeração onde a produção é também geograficamente concentrada.

Artigo completo:

Palavras-chave: C, T&I. Desenvolvimento Regional. Estabilidade. Investimentos Públicos. Propriedade Intelectual,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/iv-enei-2019-5.8-090

Referências bibliográficas
  • [1] ALBUQUERQUE, Eduardo da Motta, SIMÕES, Rodrigo, BAESSA, Adriano, CAMPOLINA, Bernardo e SILVA Leandro. A Distribuição Espacial da Produção Científica e Tecnológica Brasileira: uma Descrição de Estatísticas de Produção Local de Patentes e Artigos Científicos. Revista Brasileira de Inovação Vol. 1 Número 2 Julho / Dezembro 2002
  • [2] ARAÚJO, Misael Sousa de. e OLIVEIRA, Edgard Costa. As Caracteristicas das FAPS e Atuação da FAPESC como Agente de Fomento no Sistema Regional de Inovação. XI Congresso Nacional de Excelência em Gestão, 13 e 14 de agosto de 2015.
  • [3] ASHEIM, Bjorn T., ISAKSEN, Arne. Regional Innovation Systems: The Integration of Local ‘Sticky’ and Global ‘Ubiquitous’ Knowledge. Journal of Technology Transfer Volume 27, pp. 7786, 2002.
  • [4] BAHIA, Domitila Santos e SAMPAIO, Armando Vaz. Revista de Administração e Inovação, São Paulo, v. 12, n.3 p. 109-134, jul./set. 2015
  • [5] BEZERRA, Maitê Alves, BORINI, Felipe Mendes e MACLENNAN, Maria Laura Ferranty. Reverse Transfers of Innovation and National Development: Evidence from Brazilian Subsidiaries. J. Technol. Manag. Innov. Volume 10, 201
  • [6] BORRÁS, Susana, EDQUIST, Charles. The choice of innovation policy instruments. Technological forecasting and Social Change, Volume 80, Number 8, 1513-22, 2013.
  • [7] BRASIL, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Indicadores. Disponível em: http://www.mct.gov.br/index.php/content/view/740.html?execview
  • [8] CAVALCANTE, Luiz Ricardo. Desigualdades Regionais em Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) no Brasil: Uma Análise de sua Evolução Recente. Texto para Discussão 1574; IPEA, Rio de Janeiro, fevereiro de 2011.
  • [9] CHAGAS, Priscilla Borgonhoni e ICHIKAWA, Elisa Yoshie. Redes de C&T em institutos públicos de pesquisa brasileiros: o caso do Instituto Agronômico do Paraná (Iapar). RAP — RIO DE JANEIRO 43(1):93-121, JAN./FEV. 2009
  • [10] FAGUNDES, M.E.M, CAVALCANTE, L.R.M.T, RAMACCIOTTI, R.E.L. Distribuição regional dos fluxos de recursos federais para ciência e tecnologia. Parcerias Estratégicas; v.21, 2005.
  • [11] FERREIRA, Afonso Henriques Borges e DINIZ, Clélio Campolina. Convergência entre as rendas per capita Estaduais no Brasil. Revista de Economia Política, vol.15, nº.4 (60), outubro-dezembro de 1995.
  • [12] FREEMAN Chris. The 'National System of Innovation' in historical perspective. Cambridge Journal of Economics 1995, 19, 5-2.
  • [13] FONSECA, Marcelo Luiz Mendes da. Formulação de Políticas Públicas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I): Cooperação Intergovernametal em busca do Desenvolvimento Científico Regional. V Congresso CONSAD de Gestão Pública. Centro de Convenções Ulysses Guimarães Brasília/DF – 4, 5 e 6 de junho de 2012.
  • [14] GARCIA, R. Geografia da Inovação. Em: RAPINI, Márcia Siqueira, SILVA, Leandro Alves e ALBUQURQUE, Eduardo da Mota e. Economia da Ciência, Tecnologia e Inovação: Fundamentos teóricos e a economia global. 1.ed – Curitiba: Editora Prismas, 2017, p. 241-277.
  • [15] GHOSH, Rishab e SOETE, Luc. Information and intellectual property: the global challenges. Industrial and Corporate Change, Volume 15, Number 6, pp. 919–935; 2006.
  • [16] HERSCOVICI, Alain. Capital intangível e direitos de propriedade intelectual: uma análise institucionalista. Revista de Economia Política, vol. 27, nº 3 (107), pp.394-412, julho-setembro/2007.
  • [17] JENSEN, Juan, MENEZES FILHO, Naércio, SBRAGIA, Roberto. Os Determinantes dos Gastos em P&D no Brasil: Uma Análise com Dados em Painel. Est. Econ. São Paulo, v.34, n.4, p.661-669, outubro-dezembro, 2004.
  • [18] LEMOS, Mauro Borges, MORO, Sueli, BIAZI, Elenice e CROCCO, Marco. A Dinâmica Urbana das Regiões Metropolitanas Brasileiras. Parte da pesquisa Dinâmica Demográfica, Desenvolvimento Regional e Políticas Públicas, financiada pelo PRONEX (2001), Programa de Apoio a Núcleos de Excelência, consórcio CNPQ/Capes/Finep, na área de economia regional do CEDEPLAR. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/4729669_A_Dinamica_Urbana_das_Regioes_Metropolitanas_Brasileiras
  • [19] LOPES, Herton Castiglioni. Os determinantes do desenvolvimento (catching up) na abordagem neoschumpeteriana: integrando a teoria microeconômica evolucionária com conceito de revoluções tecnológicas. Nexos Econômicos – CME-UFBA. v.8, n. 1, jan-jun. 2014.
  • [20] MARTINS, Gilberto de Andrade e DOMINGUES, Osmar. Estatística Geral e Aplicada. 4ª Ediçao, Revisada e Ampliada, 2011. Editora: Atlas, São Paulo.
  • [21] MAZZUCATO, Mariana. O Estado Empreendedor: desmascarando o mito do setor público vs. setor privado. Tradução Elvira Serapicos. – 1ªed. – São Paulo: Portifolio-Penguim, 2015.
  • [22] MAZZUCATO, Mariana e PENNA, Caetano C. R. The Brazilian Innovation System: A Mission-Oriented Policy Proposal. Sumário Executivo. Avaliação de Programas em CT&I. Apoio ao Programa Nacional de Ciência (Plataformas de conhecimento). Brasília, DF: Centro de Gestão e Estudos Estratégicos, 2016.
  • [23] MONTENEGRO, R.L.G, DINIZ, B.P.C, SIMÕES, R.F. Ciência e Tecnologia versus estruturas estaduais: uma analise em dados em painel (2000-2010). Anais do XLII Encontro Nacional de Economia da ANPEC, 2016. Disponível em: http://econopapers.repec.org/paper/anpen2014/133.htm
  • [24] NEGRI, João Alberto de, NEGRI, Fernanda de, LEMOS, Mauro Borges. O impacto do FNDCT sobre o desempenho e o esforço tecnológico das empresas e industriais brasileiras. Brasília, IPEA, 2008.
  • [25] NEGRI, Fernanda de. Por uma Nova Geração de Políticas de Inovação no Brasil. Em: TURCHI Lenita Maria e MORAIS, José Mauro de. Políticas de Apoio à novação Tecnológica no Brasil: avanços recentes, limitações e propostas de ações. Brasília: Ipea, 2017. 485.
  • [26] OCTAVIANO, Carolina. A institucionalização da pesquisa e o sistema nacional de CT&I no Brasil. 2011.Edição:67. Disponível em: http://comciencia.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-76542011000500003&lng=e&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 24 de março de 2019.
  • [27] SALERNO, Mario Sérgio e KUBOTA, Luís Claudio. Estado e Inovação. Brasília, IPEA, 2008.
  • [28] SILVA, Fabio Q. B. da, et al. Um modelo de desenvolvimento local baseado em inovação e o papel dos parques tecnológicos na sua implantação. Revista da Micro e Pequena Empresa. Campo Limpo Paulista, Volume 3, Número 1, pp. 25-37, 2009.
  • [29] SZAPIRO, M; MATTOS, M.; CASSIOLATO, J.E. Sistemas de Inovação e Desenvolvimento. Em: RAPINI, Márcia Siqueira, SILVA, Leandro Alves e ALBUQURQUE, Eduardo da Mota e. Economia da Ciência, Tecnologia e Inovação: Fundamentos teóricos e a economia global. 1.ed – Curitiba: Editora Prismas, 2017, p.371-412.
Como citar:

Gonçalves, Bruno Setton; Santana, José Ricardo de; Rapini, Márcia Siqueira; "A ESTABILIDADE DOS INVESTIMENTOS PÚBLICOS ESTADUAIS EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO NO PERÍODO DE 2000 A 2016", p. 1261-1279 . In: Anais do IV Encontro Nacional de Economia Industrial e Inovação. São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/iv-enei-2019-5.8-090

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações