• -

Site do evento

Comissão organizadora

  • Telma Nunes Gimenez (UEL)
  • Aparecida de Jesus Ferreira (UEPG)
  • Ana Claudia Cury Calia de Souza (UEL)
  • Ana Lúcia de Campos Almeida (UEL)
  • Andréia da Cunha Malheiros Santana (UEL)
  • Andressa Cristina Molinari (UEL)
  • Atef El Kadri (UEL)
  • Arelis Felipe Ortigoza (UEL)
  • Cláudia Lopes Nascimento Saito (UEL)
  • Denise Ismênia Bossa G. Ortenzi (UEL)
  • Djane Correa (UEPG)
  • Elaine Borges (UEPG)
  • Elaine Fernandes Mateus (UEL)
  • Eliana Maria Severino Donaio Ruiz (UEL)
  • Jaime dos Reis Sant’Anna (UEL)
  • Juliana Reichert Assunção Tonelli (UEL)
  • Jussara Lima de Souza (UEL)
  • Leonardo Neves Correa (UEL)
  • Letícia Fraga (UEPG)
  • Marcelo Cristiano Acri (SEED)
  • Maria Conceição Oliveira (UEL)
  • Marjorie Gomez Talavera (UEL)
  • Marluce Fagotti (UEL)
  • Marta Gresechen Paiter L. de Souza (UEL)
  • Michele Sales El Kadri (UEL)
  • Núbio Delanne Ferraz Mafra (UEL)
  • Pascoalina Saleh (UEPG)
  • Paula Francescon (UEL)
  • Paulo Roberto Almeida (UEL)
  • Samantha Gonçalves Mancini Ramos (UEL)
  • Sheila Oliveira Lima (UEL)
  • Simone Rezende (UEL)
  • Thaísa de Andrade Jamoussi (UEL)
  • Vera Lúcia Lopes Cristovão (UEL)
  • Viviane Aparecida Bagio Furtoso (UEL)

Você participou do Comitê Organizador desse evento?
Clique aqui.

abril 2017 vol. 2 num. 2

VI Congresso Latino-americano de Formação de Professores de Línguas

Artigos Completos

A publicação deste e-book tem como principal objetivo divulgar os trabalhos que foram apresentados no VI CLAFPL - Congresso Latino-Americano de Formação de Professores de Línguas, realizado nos dias 25, 26 e 27 de outubro de 2016, na Universidade Estadual de Londrina, no estado do Paraná, Brasil.

O evento teve os seguintes objetivos: 1) Incentivar o estudo, a pesquisa e promover o debate na área de formação de professores de línguas entre pesquisadores docentes e discentes e professores das universidades latino-americanas; 2) Intensificar a integração dos diversos níveis de ensino, a partir da formação profissional, tanto em nível inicial quanto continuado;  3) Promover o intercâmbio, o debate e a troca de experiências, entre os professores e pesquisadores brasileiros e estrangeiros; 4) Estimular a produção científica na área de formação de professores na LA e em áreas afins, por meio de palestras, mesas-redondas, pôsteres, comunicações orais e de publicações; 5) Propiciar a divulgação de conhecimentos para a melhoria da área de formação de professores no Brasil e nos demais países da América Latina.

A escolha do tema do evento, “Diálogos (im)pertinentes entre formação de professores e aprendizagem de línguas”, não poderia ser mais propícia ao momento histórico em que vivemos, momento este em que valores como ética, respeito e cidadania estão sendo colocados em xeque. Nada mais pertinente do que pensarmos a importância de uma sólida formação docente, para construir uma educação de qualidade e contribuir para a construção de uma sociedade mais igualitária e justa com aqueles que a integram. Esta construção passa, necessariamente, pela educação, por isso, propiciar um momento de reflexão, de troca de experiências, de articulação entre os diferentes níveis de ensino e de aprendizagem sobre o tipo de formação que estamos oferecendo aos professores, especificamente aos professores de língua, foi a contribuição do evento para pensarmos a tão sonhada qualidade da educação.

A iniciativa de realizar este evento, que teve a sua primeira edição em 2006, pode ser atribuída ao Grupo de Trabalho “Formação de Educadores na Linguística Aplicada”, da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Letras e Linguística (ANPOLL), que sentiu a necessidade de criar um espaço que aproximasse o debate acadêmico da realidade educacional em que atuam os docentes de línguas, visando, assim, possibilitar a troca de experiências e de conhecimentos entre quem forma esse educador, quem pesquisa sobre as diferentes realidades de ensino e quem as vivencia. Para organizar esse diálogo, o evento propôs temáticas que rodeiam o ambiente educacional do professor de línguas, tanto na formação inicial, como na continuada e no próprio cenário de trabalho, a saber:

  • Letramentos 
  • Identidades 
  • Políticas linguísticas e sua interface com a formação docente 
  • Educação linguística 
  • Currículos de formação docente 
  • Tecnologias digitais /EAD 
  • Estágio e parcerias universidade-escola 
  • Avaliação educacional 
  • Ética, cidadania e inclusão na formação docente
  • Cognições e emoções 
  • Planejamento no trabalho docente
  • Recursos didáticos na formação docente
  • Desenvolvimento profissional do formador
  • Projetos inter/transdisciplinares 

A publicação deste e-book, com todos os trabalhos apresentados no evento, independentemente da modalidade (simpósios, pôsteres, comunicações coordenadas e individuais), atende, assim, a um dos objetivos a que nos propusemos – o de propiciar a divulgação de conhecimentos para a melhoria da área de formação de professores no Brasil e nos demais países da América Latina – e nos proporciona o alegre sentimento de que não estamos sós na busca por uma educação de qualidade. Desta forma, o evento não apenas contribui para a divulgação das pesquisas realizadas na área, como também incentiva a continuidade de tais estudos. Cada trabalho aqui publicado é de responsabilidade exclusiva de seus autores, cuja pesquisa ou estudo merecem ser conhecidos por todos. 

Agradecemos imensamente a todos os autores dos textos aqui publicados, à Comissão Científica e à Comissão Local pelo árduo e profícuo trabalho de organização, aos alunos da graduação e pós-graduação que tanto contribuíram com a apresentação de seus trabalhos, aos professores da Educação Básica que participaram do evento, à ANPOLL pela iniciativa, e ao imprescindível apoio que recebemos do curso de Especialização em Língua Inglesa da UEL, da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da Universidade Estadual de Londrina (FAUEL), do Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem (PPGEL-UEL) e do Mestrado Profissional em Letras Estrangeiras Modernas. Enfim, externamos nossa gratidão a todos que participaram do VI CLAFPL e fizeram dele um grande momento de reflexão sobre a formação de professores de língua, provando que este será, sempre, um diálogo pertinente. Esperamos que os esforços de todos os envolvidos sejam fertilizadores de propostas capazes de apontar caminhos que melhorem a (trans)formação de professores na América-Latina.

As organizadoras,

Andréia da Cunha Malheiros Santana
Eliana Maria Severino Donaio Ruiz

---


O CLAFPL é um evento bienal que surgiu em resposta à necessidade da área de formação de professores na Linguística Aplicada e em áreas afins e de abrir um espaço para o debate e a discussão acadêmica sobre os desafios e problemas enfrentados pelos pesquisadores e docentes envolvidos com formação de professores de línguas. Especificamente, ele decorre da necessidade sentida pelo sub-GT Formação de Professores, integrante à época do GT de Linguística Aplicada, da ANPOLL, de ampliar os espaços de debate e discussão, aproximando os investigadores latino-americanos (e interessados de outras partes do mundo), e representando um primeiro passo para a troca de experiências em uma área que, por seu substancial crescimento quantitativo e qualitativo nos últimos anos, muito e de maneira relevante pode contribuir para a melhoria do sistema educacional nos diversos países.

Ao longo de uma década (2006-2016), o evento foi abordando temáticas que entrelaçam aspectos da formação profissional a partir do olhar do formador e dos desafios para sua atuação, sua construção identitária e a relação dessa atividade para transformações sociais e de aprendizagem nas escolas.

O I CLAFPL foi realizado em parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), no período de 9 a 11 de novembro de 2006, em Florianópolis, Santa Catarina, tendo como temática geral “Desafios para o formador de professores de línguas”. O evento, sob a coordenação local da Profa. Dra. Glória Gil e nacional da Profa. Dra. Maria Helena Vieira Abrahão, contou com a presença de aproximadamente 514 participantes, que avaliaram sua programação e organização de forma altamente positiva. Trabalhos selecionados foram publicados em formato de coletânea, organizada por Glória Gil e Maria Helena Helena Vieira Abrahão, intitulada Educação de professores de línguas: os desafios do formador, editada pela Pontes Editores/Artelíngua e lançada em 2008.

O II CLAFPL foi organizado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), Rio de Janeiro, ,no período de 27 a 29 de novembro de 2008, no campus da PUC-Rio, tendo como temática geral “Formação de Professores de Línguas e Transformação Social”. O evento contou com palestras e mesas-redondas com renomados pesquisadores nacionais e estrangeiros. Foram apresentados mais de 400 trabalhos. Os Anais foram publicados em CD, com organização do Prof. Dr. Vander Viana e da Profa. Dra. Inés Kayon de Miller, sob o título: “Caminhos na formação de professores de línguas: conquistas e desafios”. Trabalhos selecionados foram publicados na coletânea organizada por Telma Gimenez e Maria Cristina Góes de Monteiro, intitulada “Formação de Professores de Línguas na América Latina e Transformação Social”, publicada como volume 4 da Coleção Novas Perspectivas da Linguística Aplicada, da Pontes Editores.

O III CLAFPL foi realizado na Universidade de Taubaté (UNITAU), São Paulo, de 4 a 6 de novembro de 2010, com o tema “Tendências e desafios na formação de professores de línguas no século 21”. Foram recebidas mais de 500 propostas de trabalhos. A coordenação acadêmica do evento foi realizada pela Profa. Dra. Maria Antonieta Alba Celani (PUC-SP) e pela saudosa Profa. Dra. Solange Teresinha de Ricardo Castro (UNITAU). 

O IV CLAFPL, sob organização da Universidade de Brasília (UnB), Distrito Federal, foi realizado de 27 de fevereiro a 1 de março de 2013, sob o tema “Fortalecendo Redes Colaborativas de Pesquisas em Linguística Aplicada e Formação de Professores de Línguas”. Participaram do evento mais de 500 pesquisadores do Brasil e da América Latina. A coordenação local esteve a cargo do Prof. Dr. Kleber Aparecido da Silva e a comissão científica foi liderada pela Profa. Dra. Tânia Romero. Seu livro de resumos pode ser acessado pelo site: 

http://www.viclafpl.com.br/wp-content/uploads/2015/09/resumos-iv-clafpl.pdf.

O V CLAFPL teve organização da Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiás, e foi realizado de 21 a 23 de outubro de 2014, sob a liderança da Profa. Dra. Maria Cristina Faria Dalacorte Ferreira e da  Profa. Dra. Maximina Maria Freire. O tema do evento foi “Construções Identitárias de Professores de Línguas” e dele participaram mais de 400 apresentadores de trabalhos entre alunos, professores e pesquisadores. Endereço para acessar os anais do V CLAFPL: https://vclafpl.letras.ufg.br/up/475/o/vclafpl_anais.pdf.

O VI CLAFPL foi realizado em Londrina, Paraná, no campus da Universidade Estadual de Londrina (UEL), organizado conjuntamente pela UEL e pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), com o apoio do Grupo de Trabalho “Formação de Educadores na Linguística Aplicada” e da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Letras e Linguística (ANPOLL). O evento ocorreu entre 25 a 27 de outubro de 2016, tendo como tema “Diálogos (im)pertinentes entre formação de professores e aprendizagem de línguas”. Foi constituído por conferências, mesas-redondas, simpósios, sessões de comunicações coordenadas e individuais, além de sessões de pôsteres, que contaram com a participação de 850 inscritos, entre alunos, professores e pesquisadores representativos da área de formação de professores do Brasil e do exterior. Os anais do VI CLAFPL estão publicados neste e-book.

O VII CLAFPL está previsto para ser realizado em 2018, na Universidade Federal do Pará, na cidade de Belém, estado do Pará.

-

Organização dos Anais:

  • Andréia da Cunha Malheiros Santana (UEL)

  • Eliana Maria Severino Donaio Ruiz (UEL)

Comissão Científica:

  • Presidentes: Elaine Fernandes Mateus (UEL) e Juliana Reichert Assunção Tonelli (UEL)
  • Ana Maria Ferreira Barcelos (UFV)
  • Aparecida de Jesus Ferreira (UEPG)
  • Beatriz Gabbiani – UDELAR, Uruguai
  • Betânia Passos Medrado (UFPb)
  • Carla Lynn Reichmann (UFPb)
  • Deise Prina Dutra (UFMG)
  • Dilma Maria de Mello (UFU)
  • Elaine Fernandes Mateus (UEL)
  • Fabíola Sartin (UFG)
  • Fernanda Coelho Liberali (PUCSP)
  • Gloria Gil (UFSC)
  • Inês Kayon de Miller (PUC-RJ)
  • João Antônio Telles (UNESP)
  • Juliana Reichert Assunção Tonelli (UEL)
  • Laura Brandini
  • Lucielena Mendonça de Lima (UFG)
  • Maria Cecília Camargo Magalhães (PUCSP)
  • Maria Helena Vieira Abrahão (UNESP)
  • Mariana Mastrella-de-Andrade (UnB)
  • Paula Tatianne Carréra Szundy (UFRJ)
  • Renilson José Menegassi (UEM)
  • Rosane Rocha Pessoa (UFG)
  • Rosinda de Castro Guerra Ramos (UNIFESP)
  • Tânia Regina de Souza Romero (UNITAU)
  • Telma Nunes Gimenez (UEL)
  • Wagner Rodrigues Silva (UFT)
  • Walkyria Magno e Silva (UFPA)


Comissão Local:

  • Coordenação: Telma Nunes Gimenez (UEL) e Aparecida de Jesus Ferreira (UEPG)
  • Ana Claudia Cury Calia de Souza (UEL)
  • Ana Lúcia de Campos Almeida (UEL)
  • Andréia da Cunha Malheiros Santana (UEL)
  • Andressa Cristina Molinari (UEL)
  • Atef El Kadri (UEL)
  • Arelis Felipe Ortigoza
  • Cláudia Lopes Nascimento Saito (UEL)
  • Denise Ismênia Bossa Grassano Ortenzi (UEL)
  • Djane Correa (UEPG)
  • Elaine Borges (UEPG)
  • Elaine Fernandes Mateus (UEL)
  • Eliana Maria Severino Donaio Ruiz (UEL)
  • Jaime dos Reis Sant’Anna (UEL) – Logística
  • Juliana Reichert Assunção Tonelli (UEL)
  • Jussara Lima de Souza (UEL)
  • Leonardo Neves Correa (UEL)
  • Letícia Fraga (UEPG)
  • Marcelo Cristiano Acri (SEED)
  • Maria Conceição Oliveira (UEL)
  • Marjorie Gomez Talavera (UEL)
  • Marluce Fagotti (UEL)
  • Marta Gresechen Paiter Luzia de Souza (UEL)
  • Michele Sales El Kadri (UEL)
  • Núbio Delanne Ferraz Mafra (UEL)
  • Pascoalina Saleh (UEPG)
  • Paula Francescon (UEL)
  • Paulo Roberto Almeida (UEL)
  • Samantha Gonçalves Mancini Ramos (UEL)
  • Sheila Oliveira Lima (UEL)
  • Simone Rezende (UEL)
  • Thaísa de Andrade Jamoussi (UEL)
  • Vera Lúcia Lopes Cristovão (UEL)
  • Viviane Aparecida Bagio Furtoso (UEL)