Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

USO DE MESOCARPO DE MARACUJÁ-AMARELO COMO BIOSSORVENTE PARA REMOÇÃO DE Cr(VI) DE SOLUÇÕES AQUOSAS

de J. COSTA, Y.; SOUZA, T. F.; dos REIS, E. N.; de J. SANTOS, E.;

Artigo Completo:

Este estudo objetivou avaliar a potencialidade do mesocarpo de maracujá (Passiflora edulis) como biossorvente no tratamento de soluções aquosas com Cr(VI). O biomaterial foi obtido através de tratamento térmico a 400 °C. A determinação de Cr(VI) foi feita por espectrofotometria UV-visível através da complexação com 1,5-difenilcarbazida, medindo a absorbância no comprimento de onda de 540 nm. O tempo de contato necessário para atingir o equilíbrio foi 3 horas. Os dados de equilíbrio químico foram analisados usando os modelos de Langmuir e Freundlich e os parâmetros foram determinados através de Programação Matemática Não-Linear. O processo de biossorção de Cr(VI) sobre o mesocarpo de maracujá foi melhor representado pelo modelo de Freundlich. Os resultados mostraram que o biossorvente removeu em média 75% de Cr(VI) em 180 minutos, possuindo capacidade máxima de biossorção de 13,0 mg g-1.

Artigo Completo:

Palavras-chave: ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2015-167-32620-266491

Referências bibliográficas
  • [1] ARGUN, M. E.; DURSUN, S.; OZDEMIR, C.; KARATAS, M. Heavy metal adsorption by modified oak sawdust: thermodynamics and kinetics. J. Hazard. Mater., v. 141, p. 77-85, 2007.
  • [2] YADAV, S.; SRIVASTAVA, V.; BANERJEE, S.; WENG, C.H.; SHARMA, Y. C. Adsorption characteristics of modified sand for the removal of hexavalent chromium ions from aqueous solutions: kinect, thermodynamic and equilibrium studies. Catena; v. 100, p. 120-127, 2013.
  • [3] SHARMA, Y. C.; SRIVASTAVA, V.; MUKHERJEE A. K. Synthesis and application of Nano- poder of for the reclamation of hexavalent chromium from aqueous solution. J. Chem. Eng., v. 55, p. 2390-2398.
  • [4] PEIXOTO, P. do N.; Potencialidade de remoção de Cr(VI) de soluções aquosas por biossorção usando resíduos da agroindústria. Tese (Mestrado em Engenharia Química), Universidade Federal de Sergipe, Sergipe, Brasil, 2015.
  • [5] CONCEIÇÃO, J. do C.; RAMOS, V. H. S.; SANTOS, E. de J.; SILVA, A. S.; COSTA, A. W. M. de C. Biosorption f Cr(VI) from aqueous solutions using chemically modified okra powder. J. of Basic Andamp; Applied Sciences, v. 10, p. 73-79, 2014.
  • [6] MORITA, T.; ASSUMPÇÃO, R. M. V. Manual de soluções, reagentes e solventes: padronização, preparação, purificação com indicadores de segurança e de descarte de produtos químicos. São Paulo: Editora Blucher, 2007.
  • [7] PINA, F. D. S. Tratamento de águas contaminadas com crómio(VI) por bioadsorção em algas marinhas. 65f. Tese (Mestre em Engenharia do Ambiente), Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, Porto, Portugal, 2011.
Como citar:

de J. COSTA, Y.; SOUZA, T. F.; dos REIS, E. N.; de J. SANTOS, E.; "USO DE MESOCARPO DE MARACUJÁ-AMARELO COMO BIOSSORVENTE PARA REMOÇÃO DE Cr(VI) DE SOLUÇÕES AQUOSAS", p. 381-386 . In: Anais do XI Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.3]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2015-167-32620-266491

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações