Artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Tomada de decisão da criança e família: visão da enfermagem

Child and family decision making: the nurse''s view

Cunha, Mariana Lucas da Rocha;

Artigo:

A sociedade é frequentemente desafiada por transformações constantes que afetam os relacionalmentos humanos. Em nossa realidade assistencial lidamos com indivíduos de diferentes gerações, sejam com colegas de profissão, famílias ou os nossos próprios pacientes e é esperado que isto interfira nas relações que estabelecemos com eles. O ambiente de cuidado também vem se transformando, influenciado pelas transições da economia e pelos avanços tecnologicos. A enfermagem dentro deste contexto evoluiu de atores puramente assistencialista para gestores do cuidado, do ambiente e dos recursos. E as transformações deste cenário vem influenciando o cuidado às crianças e famílias, sobretudo, no que se refere a cuidado compartilhado entre família e equipe. A tomada de decisão da criança e família no contexto hospitalar vem sendo construida ao longo do tempo, entre conflitos e expectativas pouco objetivas do que se espera de cada elementos no cenário do cuidado. A possibilidade de estabelecer uma relação colaborativa entre criança-família e a equipe de enfermagem configura-se como elemento para promoção da autonomia e consequente tomada de decisão compartilhada entre os envolvidos neste processo.

Artigo:

Society is often challenged by the constant transformations affecting human relationships. In delivering care, we deal with individuals from different generations. These individuals can be coworkers, relatives or even our patients. To some extent, generational differences are expected to interfere with the relationships we establish with other people. The care environment has also been transformed by economic transitions and technological advances. In this context of change, nurses have progressed from strictly care professionals to managers of the care environment and resources. This transformation has influenced the delivery of care to children and families, especially with regard to shared care between family and health team. Decision making among children and their families in the hospital context has been constructed over time, but this process has been the source of conflict. In addition, the expectations of each individual in the care scenario have been unclear. Establishing a collaborative relationship between the child and his or her family and the nursing team helps promote autonomy and, consequently, shared decision making among those involved in this care process.

Palavras-chave: Tomada de decisão, criança hospitalizada, família, cuidado em enfermagem, Decision Making, Hospitalized Child, Family Nursing, Pediatric Nursing,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/medpro-2cisep-007

Referências bibliográficas
  • [1] Alves CA; Deslandes SF; Mitre RMA. Desafios da humanização no contexto do cuidado da enfermagem pediátrica de média e alta complexidade. Comunicação Saúde Educação. 2009; 13(1): 581-94.
  • [2] Bousso RS. A teoria dos sistemas familiares como referencial para as pesquisas com famílias que experienciam a doença e a morte. Rev Min Enferm. 2008 Abr-Jun;12(2): 257-61.
  • [3] Brasil. Ministério da Saúde. Estatuto da Criança e do Adolescente Brasília. 1991.
  • [4] Callery P; Smith L A. Study of Role Negotiation Between Nurses and the Parents of Hospitalized Children. Journal of Advanced Nursing 1991; 16: 772-781
  • [5] Carnevale F. Considerações éticas em Enfermagem Pediátrica. Rev. Soc. Bras. Enferm. Ped. 2012. 12(1): 37-47.
  • [6] Côa TF; Pettengill MAM. A experiência de vulnerabilidade da família da criança hospitalizada em Unidade de Cuidados Intensivos Pediátricos. Rev Esc Enferm USP. 2011; 45(4):825-32.
  • [7] Cunha MLR. Incerteza e sacrifício: o sofrimento na vida familiar invadida pelo câncer da criança. Tese de Doutorado. 2009. Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo.
  • [8] Gomes GC; Nicola GDO; Souza NZ, Chagas MCS, Farias DFR; Xavier DM. Percepções da família acerca das dificuldades de adaptação da criança à hospitalização: subsídios para a enfermagem. Cogitare Enferm. 2013; 18(4): 767-74.
  • [9] Gomes GC; Erdmann AL; Oliveira PK; Xavier DM; Santos SSC; Farias DHR. A família durante a internação hospitalar da criança: contribuições para a enfermagem. Esc Anna Nery 2014;18(2):234-240.
  • [10] Lima AS; Silva VKBA; Collet N; Reichert APS; Oliveira BRG. Relações estabelecidas pela enfermeiras com a família durante a hospitalização infantil. Texto Contexto Enferm. 2010; 19(4): 700-08.
  • [11] Martinho MGCM, Martins MMPFS, Angelo M. Escala de conflito em tomadas de decisão em saúde: instrumento adaptado e validado para língua portuguesa. Rev Esc Enferm USP 2013; 47(3):576-83).
  • [12] Melo IM. Humanização da assistência hospitalar no Brasil: conhecimentos básicos para estudantes e profissionais. (Acesso em : Setembro de 2014.) Disponível em http://www.hcnet.usp.br/humaniza/pdf/livro/livro_dra_inaia_Humanizacao_nos_Hospitais_do_Brasil.pdf
  • [13] Murakami R; Campos CJG. Importância da relação interpessoal do enfermeiro com a família de crianças hospitalizadas. Rev Bras Enferm. 2011; 64(2): 254-60.
  • [14] Oliveira FMF; Constantino CF; Barros JCR; Hirschheimer MR. In: Constantino CF; Barros JCR; Hirschheimer MR. Cuidando de crianças e adolescentes sobr o olhar da ética e bioética. São Paulo: Atheneu, 2009. Cap 11: Humanização no Atendimento pediatrico. 173-87.
  • [15] Pereira N. Seja um professor nota 10. Rio de Janeiro: Ed Livre Expressão. 2011. p. 205.
  • [16] Pimenta EAG; Collet N. Dimensão cuidadora da enfermagem e da família na assistência à criança hospitalizada: concepções da enfermagem. Rev Esc Enferm USP. 2009; 43(3): 622-9.
  • [17] Robinson C. Health care relationships revisited. Journal of family nursing. 1996; 2(2)133-151.
  • [18] Xavier DM; Calcagno GC; Santos SSC; Lunardi VL; Pintanel AC; Erdmann AL. A família na Unidade de Pediatria: convivendo com normas e rotinas hospitalares. Rev Bras Enferm. 2014; 67(2): 181-6.
  • [19] Wright LM; Leahey M. Enfermeiras e Famílias. Guia para avaliação e intervenção na família. 5ª edição. São Paulo: Ed. Roca. 2012. Cap1: 1-20.
Como citar:

Cunha, Mariana Lucas da Rocha; "Tomada de decisão da criança e família: visão da enfermagem", p. 53-62 . In: Anais do 2° Congresso Internacional Sabará de Especialidades Pediátricas [=Blucher Medical Proceedings, v.1, n.4]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2357-7282, DOI 10.5151/medpro-2cisep-007

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações