dezembro 2014 vol. 1 num. 1 - X Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

REMOÇÃO DE TURBIDEZ E SÓLIDOS TOTAIS DE EFLUENTES DO PROCESSO DE OBTENÇÃO DE QUITINA

COMIOTTO, C.E.G.; LOPES, M.A.; DOTTO, G.L.; PINTO, L.A.A.;

Artigo:

A quitina é o biopolímero precursor da quitosana, a qual é utilizada para uma série de aplicações tecnológicas. O processo de obtenção de quitina gera uma grande quantidade de efluentes com elevada carga orgânica. Esses efluentes necessitam ser tratados a fim de evitar impactos ambientais. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho foi estudar a remoção de turbidez e sólidos totais de efluentes do processo de obtenção de quitina. Foram verificados os efeitos do tipo (quitina, quitosana e sulfato de alumínio) e da concentração (100, 300 e 500 mg L-1) de coagulante. A quitina foi obtida a partir de resíduos de camarão, e os efluentes do processo foram coletados e misturados proporcionalmente. Os experimentos de coagulação foram realizados em batelada, utilizando os diferentes coagulantes nas respectivas concentrações. O efluente inicial e os efluentes tratados nas diferentes condições foram caracterizados em relação a turbidez e sólidos totais. Os resultados mostraram que nem o tipo e nem a concentração de coagulante influenciaram significativamente na remoção de turbidez. Para a remoção de sólidos totais, verificou-se que o aumento da concentração de coagulante aumentou o percentual de remoção e o tratamento com quitosana mostrou-se mais o eficiente.

Artigo:

Palavras-chave: coagulação, biopolímeros, quitosana,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/chemeng-cobec-ic-01-ea-024

Referências bibliográficas
  • [1] AHMAD, A. L., SUMATHI, S., HAMEED, B.H. (2006). “Coagulation o residue oil and suspended solid in palm oil mill e luent by chitosan, alum and PAC” Chemical Engineering Journal, vol. 118, p. 99–105.
  • [2] APHA (1998). Standard Methods for Examination of Water and Wastewater, 20° ed., Washington. ASSOCIATION OF OFFICIAL ANALYTICAL CHEMISTS, A. O. A. C. (1995). Official Methods of Analysis, ed.14, v. 1.
  • [3] AZEVEDO, V. V. C., CHAVES, S. A., BEZERRA, D. C., LIA FOOK, M. V., CO A A. C. F. M. (2 7). “Quitina e Quitosana: aplicações como biomateriais” Revista Eletrônica de Materiais e Processos, v.2.3, p. 27-34, ISSN 1809- 8797.
  • [4] DOTTO, G. L., ROSA, G. S., MORAES, M. A., WESKA, R. F., PINTO, L. A. A. (2010). “ reatment o chitin e luents by coagulation–flocculation with chitin and aluminum sul ate” Journal o Environmental Chemical Engineering, vol. 1, p. 50–55.
  • [5] DOTTO, G. L., SOUZA, V. C., PINTO, L. A. A. Drying of chitosan in a spouted bed: the influences of temperature and equipment geometry in powder quality. LWT Food Science Technology, 44, 1786–1792, 2011.
  • [6] JAYAKUMAR, R., PRABAHARAN, M., NAIR, S. V., TAMURA, H. (2010). “ ovel chitin and chitosan nano ibers in biomedical applications” Biotechnology Advances, vol. 28, p. 142–150.
  • [7] MOURA, C. M., MOURA, J. M., SOARES, N. M., PINTO, L. A. A. (2011). “Evaluation of molar weight and deacetylation degree of chitosan during chitin deacetylation reaction: used to produce bio ilm” Chemical Engineering and Processing, vol. 50, p. 351–355.
  • [8] MYERS, R. H., MONTGOMERY, D. C. (2002), Response Surface Methodology: Process and Product Optimization Using Designed Experiments. John Wiley Andamp; Sons, New York.
  • [9] O, H. K.; MEYE , . P. ( 989). “Craw ish Chitosan as a Coagulant in Recovery of Organic Compounds from Seafood Processing Streams" J. Agric. Food Chem, vol. 37, p. 580–583.
  • [10] SANTO, C. E., VILAR, V. J. P., BOTELHO, C. M. S., BHATNAGAR, A., KUMAR, E., BOAVENTURA, R. A. R. (2012). “Optimization o coagulation–flocculation and flotation parameters for the treatment of a petroleum refinery effluent from a Portuguese plant” Chemical Engineering Journal, vol. 183, p. 117–123.
  • [11] WESKA, R. F., MOURA, J. M., BATISTA, L. M., RIZZI, J., PINTO, L. A. A. (2007). “Optimization of deacetylation in the production of chitosan from shrimp wastes: use of response surface methodology” Journal o Food Engineering, vol. 80, p. 749–753.
  • [12] ZHOU, Y., LIANG, Z., WANG, Y. (2008). “Decolorization, COD removal of secondary yeast wastewater effluents by coagulation using aluminum sulfate” Desalination, vol. 225, p. 301–311.
Como citar:

COMIOTTO, C.E.G.; LOPES, M.A.; DOTTO, G.L.; PINTO, L.A.A.; "REMOÇÃO DE TURBIDEZ E SÓLIDOS TOTAIS DE EFLUENTES DO PROCESSO DE OBTENÇÃO DE QUITINA", p. 115-118 . In: . São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobec-ic-01-ea-024

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações