Artigo - Open Access.

Idioma principal

PRODUTOS DOS ESTUDOS DA PAISAGEM

Oliveira, Roseline Vanessa; Baraldi, Gustavo; Jardim, Alice;

Artigo:

Como eram as primeiras cidades brasileiras? Como elas surgiram? É possível reconhecer seu antigo patrimônio hoje? Como despertar memórias adormecidas no contexto contemporâneo desses lugares? A gênese da paisagem urbana nordestina e seus remanescentes consistem nos temas centrais dos trabalhos desenvolvidos pelo Grupo de Pesquisa Estudos da Paisagem (UFAL). Além das investigações de cunho acadêmico, que privilegiam o estudo da iconografia histórica e a experiência empírica, a intenção também é produzir documentação patrimonial, a qual conta com um acervo de cerca de 25 mil imagens, dentre elas, registros fotográficos e audiovisuais. Nos últimos anos, o Laboratório de Criação Taba-êtê – um subgrupo do Grupo de Pesquisa, formado por profissionais e estudantes de Arquitetura e Design, vem trabalhando na perspectiva de transformar suas ferramentas de investigação - viagens e imagens - em produtos, de maneira a retornar às comunidades estudadas o conhecimento que elas mesmas ajudaram a construir. Dentre essas criações situam-se exposições de cunho interativo, objetos ludos-didáticos, livros e instalações, cuja produção recebeu apoio de diversas instituições, tais como IPHAN, Banco do Nordeste do Brasil e Petrobrás, inclusive tendo um deles sido aprovado pela Lei Rouanet e recebido ainda a Chancela da UNESCO. A proposta deste artigo consiste, pois, em apresentar esses produtos de caráter artístico, enquanto representações dos estudos sobre o patrimônio paisagístico, essencialmente comprometidos com o conhecimento histórico-cultural e a prática educativa.

Artigo:

What were the first towns in Brazil like? How did they arise? Is it possible to recognise their ancient heritage today? How can one awake the slumbering memories of these places in the contemporary world? The genesis of the urban landscape of the North-East of the country and its vestigial remains, form a significant part of the studies carried out by the Landscape Research Group. As well as these investigations of an academic nature, which highlight the study of historical iconography and empirical experience, the study also seeks to produce ´patrimonial documentation´ which comprises a collection of about 25.000 images, including photographic and audiovisual records. In the last five years, the Taba-êtê Creation Laboratory – a subdivision of the Research Group made up of professionals and students in the area of Architecture and Design – have been attempting to change their investigative tools (trips and images) into ´products´. This has been undertaken in a way that can allow the knowledge that the communities under study have helped to produce in the past, to be restored to them. Among these creations, there are exhibitions of an iterative nature, educational games, books and facilities such as IPHAN [The National Historic and Artistic Heritage Institute], the Brazilian Banco do Nordeste and Petrobras and the fact that one of these has been approved by the Rouanet Law [a Brazilian Law enacted to encourage the funding of cultural projects] and has even welcomed to its premises the Chancellor Emeritus of UNESCO. Thus the purpose of this article is to display the artistic products as representations of the landscape heritage which is essentially committed to historical-cultural knowledge and educational practice.

Palavras-chave: Cidades pós-coloniais, patrimônio paisagístico, Design., post colonials cities, landscape heritage, design.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/designpro-ped-01408

Referências bibliográficas
  • [1] BACHELARD, Gaston. A poética do espaço. In: Os Pensadores. Vol. XXXVIII. São Paulo: Agril Cultural, 1974.
  • [2] BENJAMIN, Walter. Rua de mão única. São Paulo: Editora Brasiliense, 1994.
  • [3] DUBY, G. O historiador, hoje. In: LE GOFF, J. (Org.). História e nova história. Editorial Teorema: Lisboa, 1986. p. 7-20.
  • [4] GINZBURG, Carlo. Mitos, Emblemas e Sinais. São Paulo: Cia das Letras, 1989. JACQUES, Paola Berenstein. Apologia da deriva. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2003.
  • [5] ______. Estética da ginga – a estética das favelas a partir da obra de Hélio Oiticica. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2001.
  • [6] JEUDY, Henri Pierre Andamp; JACQUES, Paola Berenstein (Org.). Corpos e cenários urbanos. Salvador: UFBA, 200
  • [7] LAGO, Beatriz e Pedro Corrêa do. FRANS POST {1612-1680} Obra Completa. Rio de Janeiro: Capivara, 2006.
  • [8] SILVA, Maria Angélica da Andamp; AZEVEDO, Anna Victória Wanderley Silva de. Breves linhas sobre o corpo e a arquitetura. In: Revista Vivência. Natal: UFRN/CCHLA. N. 37, 105- 122, jan./jun., 2011.
  • [9] SILVA, Maria Angélica da Andamp; APRIGIO, Érica. Arquitetura que pulsa. ANAIS eletrônico do 5º Projetar. Belo Horizonte, 2011. CD ROM
Como citar:

Oliveira, Roseline Vanessa; Baraldi, Gustavo; Jardim, Alice; "PRODUTOS DOS ESTUDOS DA PAISAGEM", p. 2546-2554 . In: Anais do 11º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 1, n. 4]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/designpro-ped-01408

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações