Abstract - Open Access.

Idioma principal

Pesquisa de Listeria Monocytogenes em Queijos Fatiados Comercializados em Estabelecimentos Varejistas Na Cidade de Goiânia

Pesquisa de Listeria Monocytogenes em Queijos Fatiados Comercializados em Estabelecimentos Varejistas Na Cidade de Goiânia

Lima, Ana Clara Melo; Toubas, Luiza Chaul; Torres, Ieda Maria Sapateiro; Garcia, Telma Alves; Alves, Virgínia Farias;

Abstract:

Listeria monocytogenes é o agente causal da listeriose, uma doença de caráter oportunista e grave, que afeta especialmente alguns grupos populacionais como gestantes, neonatos, idosos e imunodeprimidos. Os alimentos são reconhecidos como os principais veículos de transmissão da bactéria, sendo considerados de alto risco especialmente os prontos para consumo (APC), que apresentam longa vida de prateleira sob refrigeração e são consumidos sem aquecimento prévio. Diferentes tipos de derivados lácteos, especialmente queijos, já foram incriminados tanto em casos esporádicos quanto em surtos de duração variada da doença. Dessa forma, o objetivo do presente trabalho foi verificar a presença de L. monocytogenes em amostras de queijo muçarela fatiado, comercializadas em estabelecimentos varejistas da cidade de Goiânia, GO. Para tanto, entre os meses de fevereiro e maio de 2014, um total de 16 amostras do produto foram adquiridas em padarias e supermercados locais e encaminhadas para análise no Laboratório de Pesquisa em controle de Qualidade de Alimentos e Medicamentos da Faculdade de Farmácia da Universidade Federal de Goiás. As análises foram conduzidas de acordo com o protocolo preconizado pelo Food and Drug Administration, utilizando-se dois meios de enriquecimento (BLEB e caldo Fraser) e plaqueamento em superfície de ágar Oxford e ágar Palcam. Até 5 isolados suspeitos para o gênero Listeria foram submetidos aos testes de coloração de Gram, catalase, motilidade a 25oC e fermentação de carboidratos. A confirmação dos resultados foi feita utilizando-se o kit Api Listeria. A presença de L. monocytogenes foi confirmada em três (18,75%) das 16 amostras de queijo muçarela avaliadas. Não foram encontradas outras espécies do gênero Listeria nos produtos avaliados. Apesar de, no Brasil, ainda não ter sido possível estabelecer a relação entre alimentos e doença, os resultados do presente estudo evidenciam que o queijo muçarela fatiado pode atuar como importante veículo para transmissão da bactéria, constituindo, dessa forma, risco para os consumidores.

Abstract:

Palavras-chave: Alimentos Prontos para Consumo, Listeria monocytogenes, Queijo Muçarela Fatiado,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/foodsci-microal-112

Referências bibliográficas
Como citar:

Lima, Ana Clara Melo; Toubas, Luiza Chaul; Torres, Ieda Maria Sapateiro; Garcia, Telma Alves; Alves, Virgínia Farias; "Pesquisa de Listeria Monocytogenes em Queijos Fatiados Comercializados em Estabelecimentos Varejistas Na Cidade de Goiânia", p. 225-226 . In: Proceedings of the XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene [=Blucher Food Science Proceedings, v.1, n.1]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2359-201X, DOI 10.5151/foodsci-microal-112

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações