Abstract - Open Access.

Idioma principal

Perfil de Suscetibilidade Aos Antimicrobianos de Cepas de Escherichia Coli Isoladas de Fezes de Suínos da Região Sul

Perfil de Suscetibilidade Aos Antimicrobianos de Cepas de Escherichia Coli Isoladas de Fezes de Suínos da Região Sul

Valbring, Leisiane; Souza, Juliete Gomes de Lara de; Silva, Taise da;

Abstract:

A produção de carne suína no Brasil existe desde os primórdios da nossa civilização e consolidou-se como a mais importante fonte de proteína animal do mundo após 1978. O crescimento do país como exportador da carne suína está diretamente relacionado aos altos índices de produtividade e qualidade do produto, com a adequação às exigências dos diferentes mercados importadores. Nos últimos tempos houve mudanças na criação de suínos, isso porque ocorreram modificações tecnológicas que buscam reduzir os custos e aumentar a escala de produção, no entanto, as principais enfermidades que afetam os rebanhos suínos continuam preocupantes. Entre os principais patógenos de importância na suinocultura destaca-se a Escherichia coli, uma bactéria que coloniza diferentes hospedeiros e é amplamente distribuída no meio ambiente. Diante deste contexto o presente trabalho teve por objetivo verificar o perfil de suscetibilidade de cepas de E.coli em amostras entéricas, processadas em um laboratório veterinário da cidade de Cascavel - PR, durante o período de janeiro de 2011 a julho de 2013. E.coli foi isolada em 623 amostras entéricas. Para estas amostras foram testados os seguintes antimicrobianos: apramicina, ceftiofur, ciprofloxacina, florfenicol, gentamicina, espectinomicina/lincomicina, sulfaclorpiridazina/trimetoprima, neomicina e sulfametoxazol/trimetoprim. A metodologia utilizada foi a de disco-difusão de acordo com os critérios recomendados pelo Clinical and Laboratory Standards Institute (CLSI). As cepas apresentaram resistência para apramicina, florfenicol, sulfaclorpiridazina/trimetoprima e sulfametoxazol/trimetoprim, contudo, a gentamicina foi sensível durante os três anos analisados. Os resultados deste estudo sugerem o uso prudente dos antimicrobianos, buscando desta maneira reduzir a multirresistência e minimizar a disseminação de cepas resistentes que são agentes de doenças transmitidas por alimentos em seres humanos.

Abstract:

Palavras-chave: antimicrobianos, Escherichia coli, suscetibilidade, suinocultura,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/foodsci-microal-269

Referências bibliográficas
Como citar:

Valbring, Leisiane; Souza, Juliete Gomes de Lara de; Silva, Taise da; "Perfil de Suscetibilidade Aos Antimicrobianos de Cepas de Escherichia Coli Isoladas de Fezes de Suínos da Região Sul", p. 5-6 . In: Proceedings of the XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene [=Blucher Food Science Proceedings, v.1, n.1]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2359-201X, DOI 10.5151/foodsci-microal-269

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações