Resumo - Open Access.

Idioma principal

Paradigmas do envelhecer e cinema nacional: imagens da velhice construídas em Copacabana e Chega de Saudade

YAMANAKA, Juliane Domingos;

Resumo:

O fascínio por filmes que me acompanha já há algum tempo despertou a necessidade de olhá-los de forma mais aprofundada. Considerando os filmes um artefato cultural, o que num primeiro momento parecia ser apenas imagens em movimento tornou-se um objeto que poderia trazer interpretações possíveis diante de nossa cultura. Com isso, de forma mais contundente senti o anseio de investigar questões que viesse a surgir de filmes. As imagens, de uma forma geral, atraem olhares atentos e desatentos que podem levar a caminhos muitas vezes não decifrados. Desse modo, pensar na imagem do idoso de hoje instigou meu interesse de buscar compreender pessoas inseridas nesse grupo, que, por mais que estivessem próximas de nós não deixam de ser o outro que a antropologia tanto nos remeteu com afinco. Assim, tornou-se necessário nesse meu percurso investigativo estudar o tema velhice e algumas de suas questões. O envelhecimento passou a ser considerada uma questão social principalmente quando estudiosos dessa área, os gerontólogos, alertaram para os muitos problemas dessa camada populacional. Na contemporaneidade despertou na sociedade e principalmente no idoso a necessidade de afastar a degradação corporal. Para tanto, atividades físicas e procedimentos estéticos, para aqueles que se encontram na terceira idade, são paulatinamente apresentadas e inseridas em procedimentos considerados necessários para pessoas enquadradas nessa categoria etária.

Resumo:

Palavras-chave: Antropologia visual, Análise fílmica, Cinema, Velhice,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/socsci-secunifesp-011

Referências bibliográficas
  • [1] ALVES, Andréa Moraes. A dama e o cavalheiro: um estudo antropológico sobre envelhecimento gênero e sociabilidade. Rio de Janeiro: FGV, 2004.
  • [2] __________________. Os idosos, as redes de relações sociais e as relações familiares. In: NERI, Anita Liberalesso (org.). Idosos no Brasil: vivências, desafios e expectativas na terceira idade. Edições SESC. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2007. 125-139.
  • [3] BARBOSA, Andréa. São Paulo: Cidade Azul. Imagens da cidade construídas pelo cinema paulista dos anos 80. São Paulo: Tese de doutorado. Departamento de Antropologia/FFLCH/USP, 200
  • [4] ________________; CUNHA, Edgar Teodoro da. Antropologia e Imagem. Jorge Zahar. Rio de Janeiro, 2006.
  • [5] BARROS, Myriam Moraes Lins de. Densidade da memória, trajetória e projeto de vida. Dossiê gênero e velhice. Vários colaboradores. In: Revista estudos feministas. IFCS/UFRJ. Vol.5 N.1 ano 1997.
  • [6] DEBERT, Guita Grin. A Reinvenção da velhice: Socialização e Processos de Reprivatização do Envelhecimento. Editora da Universidade de São Paulo. Fapesp. São Paulo, 2004.
  • [7] _________________. A Vida Adulta e a Velhice no Cinema. In: GUSMÃO, Neusa Maria Mendes de (org.). Cinema velhice e cultura: cinedebate. Campinas/ São Paulo, Alínea, 2005.
  • [8] DÖPPENSCHMITT, Elen. Velhice e Memória em Copacabana. In: GUSMÃO, Neusa Maria Mendes de (org.). Cinema velhice e cultura: cinedebate. Campinas/ São Paulo, Alínea, 2005.
  • [9] GEERTZ, Clifford. Interpretação das culturas. Rio de Janeiro, Zahar, 1978.
  • [10] GUSMÃO, Neusa Maria Mendes de. Velhice, Cinema e o Trânsito do tempo. In: GUSMÃO, Neusa Maria Mendes de (org.). Cinema, Velhice e cultura: cinedebate. Campinas/ São Paulo, Alínea, 2005.
  • [11] LOPES, Andréa. Velhice, heterogeneidade e a dança dos esquisitos. In: GUSMÃO, Neusa Maria Mendes de; SIMSON, Olga Rodrigues de Moraes Von (orgs.). Velhice e diferenças na vida contemporânea. Campinas/São Paulo, Alínea, 2006.
  • [12] LOPES, Ruth G. da Costa. Imagem e auto-imagem: da homogeneidade da velhice para a heterogeneidade das vivências. In: NERI, Anita Liberalesso (org.). Idosos no Brasil: vivências, desafios e expectativas na terceira idade. Editora Fundação Perseu Abramo, Edições SESC. São Paulo, 2007. pp.141-152.
  • [13] NOVAES, Sylvia Caiuby. “Imagem e ciências sociais: Trajetória de uma relação difícil”. In: BARBOSA, Andréa, CUNHA, Edgar Teodoro; HIKIJI, Rose Satiko Gitirana. Imagem – Conhecimento: antropologia, cinema e outros diálogos. São Paulo/ Campinas: Papirus, 2009.
  • [14] PEIXOTO, Clarice E. Envelhecimento e Imagem: As fronteiras entre Paris e Rio de Janeiro. São Paulo: Annablume, 2000.
  • [15] _________________. História de mais de 60 anos. Dossiê gênero e velhice. Vários colaboradores. In: Revista estudos feministas. IFCS/UFRJ. Vol.5 N.1 ano 1997.
  • [16] SALLES, João Moreira. “A dificuldade do documentário”. In: Martins, Eckert Andamp; NOVAES, Sylvia Caiuby (orgs.) O imaginário e poético nas Ciências Sociais. Bauru: EDUSC, 2005. pp.57-72.
  • [17] SANT’ANNA Denise Bernuzzi de. Entre os corpos e os incorporais. In: Vários colaboradores. Velhices: reflexões contemporâneas. São Paulo: SESC: PUC, 2006.
  • [18] TAVARES, Samila Sathler. Identidade e Sociabilidade na Velhice em tempos de Transição. In: Cinema velhice e cultura: cinedebate. Campinas/ São Paulo, Alínea, 2005.
  • [19] VANOYE, Francis; GOLIOT-LETÉ, Anne. Ensaio Sobre a Análise Fílmica. 9° edição. Tradução de Maria Appelenzeller. Revisão Técnica de Nuno César P. de Abreu. Campinas: Papirus, 2009.
Como citar:

YAMANAKA, Juliane Domingos; "Paradigmas do envelhecer e cinema nacional: imagens da velhice construídas em Copacabana e Chega de Saudade", p. 72-78 . In: Anais do VII Semana de Ciências Sociais UNIFESP - (des)Identidade Nacional [=Blucher Social Science Proceedings, v.1, n.1]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2359-2990, DOI 10.5151/socsci-secunifesp-011

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações