Artigo - Open Access.

Idioma principal

O ERGODESIGN E A ENGENHARIA DE USABILIDADE DE INTERFACES, COMO FACILITADORES PARA O USUÁRIOS NA BUSCA DE INFORMAÇÕES

Vela, João Carlos; Schulenburg, Haro Ristow Wippel; Triska, Ricardo; Fialho, Francisco;

Artigo:

O presente artigo tem a intenção de realizar uma abordagem aos estudos de ergodesign e a engenharia de usabilidade com foco em interfaces, demonstrando suas importâncias como meios facilitadores para a busca de informações realizadas pelos usuários. Para desenvolvimento deste processo, é necessário um conhecimento e noção do corpo de regras, de diretrizes e procedimentos usados para selecionar, organizar e manipular dados, reconhecendo assim, características da boa informação. Além disso, conceitos de ergodesign e também da interdisciplinaridade da engenharia de usabilidade, expõem de maneira intrínseca a integração do perfil do usuário com o ciclo estrutural em um projeto de interface. O conceito do processo humano de busca por informação também é abordado em três aspectos: cognitivo, afetivo e físico. Estes, com foco centrado no usuário, se iniciam com o reconhecimento e a aceitação do problema e continua até que o problema seja resolvido. Além de um levantamento teórico dos temas mencionados até então, um dos principais objetivos é demonstrar de maneira sistêmica a relação do ergodesign e da engenharia de usabilidade, com o processo de busca de informações. Podendo ser efetuado ao longo de linhas paralelas de progresso, aproveitando as oportunidades que surjam de resultados aleatórios ou intermediários. Deixando claro que o processo do usuário na busca de informações é dinâmica e orientado à ação.

Artigo:

This article approaches the areas of ergodesign and usability engineering with focus on interfaces , demonstrating their importance as enablers of searching information for the users. To do that, knowledge and sense of rules , guidelines and procedures used to select , organize and manipulate data , thus recognizing , characteristics of good information is needed. Moreover , concepts of ergodesign and also the interdisciplinarity of usability engineering , expose intrinsically the integration between user profile and the structural cycle in a interface design. The information seeking process is also discussed in three aspects : cognitive, affective and physical . These , with user entric focus , start with the recognition and acceptance of the problem and continues until the problem is resolved. In addition to a theoretical survey of the issues mentioned previously , the main goal here is to demonstrate, in a systemic way, the relationship between ergodesign, usability engineering and the process of finding information. That can be made along parallel lines of progress, seizing opportunities that arise from random outcomes or intermediates, making clear that the user process in the search for information is dynamic and actionriented .

Palavras-chave: ergodesign, usabilidade, busca de informações., ergodesign, usability, search for information.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/designpro-ped-01179

Referências bibliográficas
  • [1] ANDRADE, Antonio Luis Lordelo. Usabilidade de interfaces Web: Avaliação heurística no jornalismo on‐line. Rio de Janeiro: E‐papers, 2007.
  • [2] CASTRO, Joana Isadora; TAVARES, João Manuel. Princípios relacionadoscom a ergonomia de sistemas multimédia – uma sistematização possível. Encontro Nacional de Visualização Cientifica – ENVC. Portugal, 2005.
  • [3] CYBIS, W. A.; PIMENTA, M. S.; SILVEIRA, M. C.; GAMEZ, L. Uma Abordagem Ergonômica para o Desenvolvimento de Sistemas Interativos. Atas do I Workshop sobre Fatores Humanos em sistemas computacionais: compreendendo usuários, construindo interfaces – IHC’98, Rio de Janeiro, v. 1, p. 102‐111, 1998.
  • [4] DOMINGUES, Diana. Criação e interatividade na ciberarte. São Paulo: Experimento, 2002.
  • [5] DUL, Jean; WEERDMEESTER, Bernard. Ergonomia Prática. 2. ed. São Paulo: Edgard Blücher, 2004.
  • [6] FUENTES, Rodolfo. A prática do design gráfico. São Paulo: Rosari, 200
  • [7] GRANDJEAN, Etienne. Ergonomics and health in modern offices. London, Taylor Andamp; Francis, 1984.
  • [8] IIDA, Itiro. Ergonomia: Projeto e Produção. 6. ed. São Paulo: Edgard Blücher, 2000.
  • [9] KROEMER, Karl Elbert.; GRANDJEAN, Etienne. Manual de Ergonomia: adaptando o trabalho ao homem. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.
  • [10] LYNCH, Patrick; HORTON, Sarah. Manual de estilo web: principios de diseño básico para la creación de sitios web. 2. ed. Barcelona: Gustavo Gili, 2004.
  • [11] MORAES, Ana Maria de; MONT’ALVÃO, Claudia. Ergonomia: conceitos e aplicações. 2. ed. Rio de Janeiro: 2AB, 1998.
  • [12] MEMÓRIA, Felipe. Usabilidade de Interfaces e Arquitetura da Informação ‐ Navegação Estrutural. 2º Congresso Internacional de Ergonomia e Usabilidade, Design de Interfaces e Interação Humano‐Computador – USIHC. Rio de Janeiro, 2003.
  • [13] MOURA, Mônica. A Interatividade no Design de Hipermídia. 7º Congresso de Pesquisa e Desenvolvimento em Design. Paraná, 2006. MONTMOLLIN, Maurice de. A Ergonomia. Lisboa: Instituto Piaget, 1990.
  • [14] PREECE, Jennifer; ROGERS, Yvonne; SHARP, Helen. Design de interação: além da interação homem ‐ computador. Porto Alegre: Bookman, 2007.
  • [15] ROSA, José Guimarães Santa; MORAES, Anamaria de. Avaliação de projetos no design de interfaces. Teresópolis: 2AB, 2008.
  • [16] ROYO, Javier. Design Digital. São Paulo: Rosari, 2008.
  • [17] SANTOS, Robson. Ergodesign e Usabilidade de Interfaces para Sistemas de Informação. In Design: Gestão, Métodos, Projetos e Processos.Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2007.
  • [18] YAP, Leong; VITALLIS, Tony; LEGG; Stephen. Ergodesign: from description to transformation. In Proceedings of the 13th triennial congresso of the International Ergonomics Association. Helsink: finnish Institute of Occupational Health, 1997. V.2, p.320‐322.
Como citar:

Vela, João Carlos; Schulenburg, Haro Ristow Wippel; Triska, Ricardo; Fialho, Francisco; "O ERGODESIGN E A ENGENHARIA DE USABILIDADE DE INTERFACES, COMO FACILITADORES PARA O USUÁRIOS NA BUSCA DE INFORMAÇÕES", p. 1782-1793 . In: Anais do 11º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 1, n. 4]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/designpro-ped-01179

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações