Artigo - Open Access.

Idioma principal

FABRINCANDO: O REGISTRO DE TECNOLOGIAS EMPREGADAS  NO DESIGN DE BRINQUEDOS POPULARES

Santos, Tamires Maria Lima Gonçalves;

Artigo:

Este artigo discute o registro de tecnologias empregadas na produção de brinquedos populares, como forma de fortalecimento da identidade cultural local, perenização de saberes populares e conhecimento sobre formas alternativas de design. Para tanto, apresenta o exemplo do projeto intitulado “Fabrincando”, que prevê a desconstrução estrutural e reconstrução de brinquedos populares oriundos fundamentalmente da região Nordeste do país, utilizando materiais reaproveitados e reciclados, apresentando um manual impresso com instruções simplificadas de execução para crianças, estimulando a criatividade e contribuindo para preservação dos saberes artesanais populares.

Artigo:

This paper discusses the register of technologies used in the production of spontaneous toys as a way of strengthening the local cultural identity, perpetuation of knowledge and alternate ways of design. In this sense, the paper presents the example of the project titled "Fabrincando", which provides the structural deconstruction and reconstruction of spontaneous toys from the Northeast region of Brazil, using recycled and reused materials, presenting a printed manual with draws and instructions to execution by children, stimulating creativity and contributing for preservation of spontaneous craft knowledge.

Palavras-chave: brinquedos populares, identidade cultural local, reaproveitamento de materiais, design vernacular, Fabrincando., Spontaneous toys, local cultural identity, reuse of materials, design manual, Fabrincando.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/designpro-ped-01011

Referências bibliográficas
  • [1] ALLENBY, Braden R. Industrial ecology: policy framework and implementation. New Jersey: Prentice-Hall, 1999.
  • [2] ANDRADE, Erica Ribeiro de. O balaio de difusão de design popular da Bahia. Monografia para Especialização em Arte-educação. Escola de Belas Artes, Universidade Federal da Bahia, Salvador: 2009.
  • [3] BONSIEPE, Gui. A tecnologia da tecnologia. 1ª ed. São Paulo: Edgard Blucher, 198
  • [4] BOUFLEUR, Rodrigo Naumann. A questão da gambiarra. 2006. Dissertação (Mestrado). Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo. São Paulo, 2006.
  • [5] DENIS, Rafael C. Design, cultura material e o fetichismo dos objetos. In Arcos, volume I, número único, 1998, p. 15-38. Disponível em: Andlt;http://www.esdi.uerj.br/arcos/arcos- 01/01-02.artigo_rafael(14a39).pdfAndgt;. Acesso em: 19/06/2012.
  • [6] LARAIA, Roque. Cultura: um conceito antropológico. 14ª Ed, Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001
  • [7] MEFANO, Ligia. O Design de Brinquedos no Brasil: Uma arqueologia do projeto e suas origens. 2005. 164 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Design, Departamento de Artes Andamp; Design, Puc-rio, Rio de Janeiro, 2005.
  • [8] MORAES, Dijon de. Análise do design brasileiro: entre mimese e mestiçagem. São Paulo: Edgar Blucher, 2006.
  • [9] OLIVEIRA, Paulo de S. O que é brinquedo. 2 ª Ed, São Paulo: Brasiliense, 198
  • [10] SESC. Brinquedos tradicionais brasileiros. 1ª ed, São Paulo, impresso pelo SESC, 1983.
  • [11] SODRÉ, Muniz. A verdade seduzida. Por um conceito de cultura no Brasil. 2ª Ed, Rio de Janeiro: Ed Francisco Alves, 1998
  • [12] STOCK, J. R. Reverse logistics. Illinois: Oak Brook, Council of Logistics Management, 1992.
Como citar:

Santos, Tamires Maria Lima Gonçalves; "FABRINCANDO: O REGISTRO DE TECNOLOGIAS EMPREGADAS  NO DESIGN DE BRINQUEDOS POPULARES", p. 2664-2672 . In: Anais do 11º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 1, n. 4]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/designpro-ped-01011

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações