Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

ESTUDO DO POTENCIAL ENERGÉTICO E CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DOS RESÍDUOS DO PROCESSAMENTO DE UMBU CAJÁ (Spondia spp.)

PEREIRA, T. S. E.; GOMES, B. F. M. L.; TAVARES, P. T.; ANDERSEN, S. L. F.;

Artigo Completo:

A umbu cajazeira pertence à família das Anacardiáceas, é considerada uma planta xerófila, híbrida natural entre o umbuzeiro (Spondias tuberosa Arruda) e a cajazeira (Spondias mombin L.). Pesquisas em torno do umbu cajá estão sendo desenvolvidas para desvendar as propriedades da espécie e alternativas para o aproveitamento agroindustrial, bem como energético. Neste trabalho a caracterização físico-química do resíduo sólido do processamento de umbu cajá foi realizada para avaliar o potencial deste resíduo como fonte alternativa e renovável de energia utilizando processos de conversão térmica. A caracterização físico-química se deu por meio de análise imediata, densidade aparente, microscopia eletrônica de varredura (MEV) e análise termogravimétrica (TGA/DTG). A análise do teor de cinzas resultou em 5,24%; teor de material volátil de 69,02%; carbono fixo de 25,59%; densidade aparente de 1,46 g/mL e poder calorífico superior de 18,63 MJ.kg-1. Por meio das curvas do TGA e DTG em atmosfera inerte observam-se três principais perdas de massa, havendo um consumo total de aproximadamente 78,5%. Com poder calorífico superior a algumas biomassas comumente utilizadas para a geração energética, o umbu cajá pode ser considerado um potencial combustível a ser utilizado em processos de conversão térmica.

Artigo Completo:

Palavras-chave: ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2015-184-32716-249136

Referências bibliográficas
  • [1] BACH, R. B. Ueber die strukture der oligomeren bestandteile von flash-pyrolyseaus biomass. Hamburg: Von-Melle-Park, 2006. Tese. Universidade de Hamburg, 2006.
  • [2] BRASIL, Instituto Brasileiro de Frutas (IBRAF). Retrospectiva analítica 2010 - Cadeiaprodutiva das frutas. São Paulo, 2011.
  • [3] BURHENNE, L.; MESSMER, J.; AICHER, T.; LABORIE, M. P.The effect of the biomass components lignin, cellulose and hemicellulose on TGA and fixed bed pyrolysis. Journal of Analytical and Applied Pyrolysis., v. 101, p. 177–184, 201
  • [4] CARVALHO, L. D. Produção de geléia dietética de umbu cajá (Spondias SP.): Avaliação sensorial, física e físicoquimica. 2010. 14 p. Dissertação (Mestrado Ciência de Alimentos) – Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2010.
  • [5] CORTEZ, L.A.B.; LORA, E.E.S.; GOMEZ, O. Biomassa para energia. Campinas, SP: Unicamp, 2008.
  • [6] DEMIRBAS, A. Calculation of higher heating values of biomass fuels. Fuel, v. 76, n. 5, p. 431-434, 1997.
  • [7] FERREIRA, A. C. O. Caracterização de vários tipos de biomassa para valorização energética. p. 3-5, 9, 10. 2013.
  • [8] GIACOMETTI, D.C. Recursos genéticos de fruteiras nativas do Brasil. In: Simpósio Nacional de Recursos Genéticos de Fruteiras, 1992, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa-CNPMF, 1993. p.13-27.
  • [9] MENEZES, M. J. S. Poder calorífico e análise imediata da maravalha de Pinus (Pinus sp.) e Araucária (Araucaria angustifolia) de reflorestamento como resíduos de madeireira. Cascavel, PR: UNIOESTE, 2013.
  • [10] PAULA, L. E. de R. e; TRUGILHO, P. F.; NAPOLI, A.; BIANCHI, M.L. Characterization of residues from plant biomass for use in energy generation. Cerne, v. 17, n. 2, p. 237, 2011.
  • [11] PERÉZ, S.; RENEDO, C. J.; ORTIZ, A.; MANANA, M.; SILIÓ, D. Energy evaluation of the Eucalyptus globulus and the Eucalyptus nitens in thenorthof Spain (Cantabria). Thermochimica Acta, 451, p. 57-64, 2006.
  • [12] SANTOS, M. B.; CARDOSO, R. L.; FONSECA, A. A. de O.; CONCEIÇÃO, M. do N. Caracterização e qualidade de frutos de umbu cajá (Spondias tuberosa x mombin) provenientes do recôncavo sul da Bahia.Rev. Bras. Frutic., Jaboticabal - SP, v. 32, n. 4, p. 1089-1097, Dezembro 2010.
  • [13] TELMO, C.; LOUSADA, J.; MOREIRA, N. Proximate analysis, backwards stepwise regression between gross calorific value, ultimate and chemical analysis of wood. Bioresource technology, v. 101, n. 11, p. 3808-3815, 2010.
  • [14] VALE, A. T. do; GENTIL, L. V.; GONÇALVEZ, J. C.; COSTA, A. F. da.Caracterização energética e rendimento da carbonização de resíduos de grãos. Cerne, Lavras, v. 13, n. 4, p. 416-420, 2007.
  • [15] VALE, A. T. do; MENDES, R. M.; AMORIM, M. R. S. A.; DANTAS, V. F. de. S. Potencial energético da biomassa e carvão vegetal do epicarpo e da torta de pinhão manso (Jatrophacurcas). Cerne, v. 17, n. 2, p. 267-273, 2011.
  • [16] VIEIRA, A. C.; SOUZA, S. N. M. de; BARICCATTI, R. A.; SIQUEIRA, J. A. C.; NOGUEIRA, C. E. C.; Caracterização da casca de arroz para geração de energia. Revista Varia Scientia Agrárias, v. 3, n. 01, p. 51-57.
  • [17] XIN, S.; YANG, H.; CHEN, Y.; WANG, X.; CHEN, H. Assessment of pyrolysis polygeneration of biomass based on major components: Product characterization and elucidation of degradation pathways. Fuel., v. 113, p. 266-273, 2013.
  • [18] YANG, H.; YAN, R.; CHEN, H.; ZHENG, C.; LEE, D. H.; LIANG, D. T. In-depth investigation of biomass pyrolysis based on three major components: hemicellulose, cellulose and lignin. Energy and Fuels., v. 20, p. 388-393, 2006.
Como citar:

PEREIRA, T. S. E.; GOMES, B. F. M. L.; TAVARES, P. T.; ANDERSEN, S. L. F.; "ESTUDO DO POTENCIAL ENERGÉTICO E CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DOS RESÍDUOS DO PROCESSAMENTO DE UMBU CAJÁ (Spondia spp.)", p. 35-40 . In: Anais do XI Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.3]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2015-184-32716-249136

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações