Artigo - Open Access.

Idioma principal

ESTUDO DA VIABILIDADE DA UTILIZAÇÃO DA ESCÓRIA DE ACIARIA COMO MATÉRIA PRIMA ALTERNATIVA EM NOVOS PRODUTOS

Silva, Vanessa Cristine;

Artigo:

Este artigo apresenta resultados de uma pesquisa qualitativa cujo objetivo foi estudar a viabilidade do uso da escória de aço como matéria prima alternativa em novos produtos. A partir do levantamento dos tipos de pesquisa utilizados, a bibliografia e documental pertinentes ao tema, buscou-se observar que produtos podem ter como material essa matéria prima, em dada situação específica de mercado. E, como a humanidade vive num complexo processo de mudanças fomentadas pela industrialização, a abordagem deste tema trata da inserção da inovação como instrumento para a transformação, e contribui para incentivar o trabalho com novos materiais. Surge uma nova tendência de que, no futuro, trabalhar matérias primas alternativas procede, quando se pensa no avanço do desenvolvimento tecnológico, em diversos campos de atuação. Os resultados da pesquisa mostram ser viável o uso da escória de aço na concepção do produto e, também, apontam potencialidades de inovação em novas tecnologias de produção.

Artigo:

This article presents the results of a qualitative research whose objective was to study the feasibility of using steel slag as raw material alternative in new products. From the types of methodology used - the bibliographical and the documental - pertinent to the theme, research sought to observe which products can have this material as raw material in a particular market situation. As humanity lives in a complex process of changes fomented by industrialization the approach of this theme deals with innovation as an instrument for this transformation and stimulates the work with new materials. There is a new trend which claims that in future to work alternative raw materials will be a reality when one thinks of technological development in various fields of activity. Research results reveal that it is feasible to use steel slag in the product design and also point out potentialities of innovation in new production technologies.

Palavras-chave: escória de aciaria, matéria prima, inovação., steel slag, raw material, innovation.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/designpro-ped-01135

Referências bibliográficas
  • [1] MANZINI, Ezio; VEZZOLI, Carlo. O desenvolvimento de produtos sustentáveis: os requisitos ambientais dos produtos industriais. Tradução de Astrid de Carvalho. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo. EDUSP. 2002.
  • [2] RIZZO. E. M. S. Introdução aos Processos Siderúrgicos. São Paulo. Associação Brasileira de Metalurgia e materiais. 150p. 2005. com mais de três autores
  • [3] Instituto de Infraestruturas Rodoviárias – Disposições Normativas: BARREIRAS NEW JERSEY COM VALETA ADJACENTE – CONDIÇÕES E PARÂMETROS DE SEGURANÇA. 5p.
  • [4] LOBATO, N. C. C. Gerenciamento de Resíduos Sólidos da Indústria Siderúrgica. 201 156 p. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-graduação em Engenharia Metalúrgica, Materiais e de Minas. Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 201
  • [5] PACHECO, ALEXANDRE EMANUEL LEITÃO. Estudo da viabilidade da utilização de escórias de aciaria (ASIC) em Betão denso. Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil. Universidade do Porto. Portugal. 2012.
  • [6] SILVA, Vanessa Cristine. Subsídios para a Inserção do Design como Estratégica para Agregar Valor ao Resíduo de Siderúrgicas: Caso do polo industrial do Alto Paraopeba, Vale do Aço e Zona da Mata, MG. 2011. Monografia (Especialização) – Universidade Federal de Minas Gerais.
  • [7] KASHIWAYA, Yoshiaki; TOISHI, Keigo; KANEKI, Yuichi; YAMAKOSHI, Yukiyasu. Catalytic Effect of Slags on the Formation of Biodiesel Fuel. ISIJ International, v. 47, n. 12, p. 1829-1831. 200
  • [8] MATHUR. S.; SONI, S. K.; MURTY, A. Utilization of industrial wastes im low-volume roads. In: Transportation Research Record 1652. 2001. p. 246-256.
  • [9] RAMAKRISHNA, K. R.; VIRARAGHAVAN, T. Use of slag for dye removal. Waste Management. Vol. 17. Nº. 8. 1997. pp. 483 – 488.
  • [10] ROSTIK, L. F. EAF Steel Company on the by-product synergy environment In: REWAS 99 p. 1593-1603. San Sebastian, Spain. 5-7 September 1999.
  • [11] Bennedth C. Chukwudi, Patrick O. Ademusuru, Boniface A. Okorie. Characterization of Sintered Ceramic Tiles Produced from Steel Slag. Journal of Minerals and Materials Characterization and Engineering, 863-868. 2012.
  • [12] Takahashi, T. Andamp; Yabuta K. New Applications for Iron and Steelmaking Slag NKK Technical Review No 87, 2002.and Engineering, 863-868. 20
  • [13] TANABE, H.; NAKADA, M. Steelmaking Technologies Contributing to Steel Industries. NKK Technical Review n° 88. P. 18 – 27. 2003. Meio Eletrônico:
  • [14] American Iron and Steel Institute. Steel Works The On Line Resource For Steek. Massachusetts, Washington. 20 Disponível em: Andlt;http://www.stell.org/Making Steel/How Its Made/Processes/Processes Info/The Basic Oxygen Steelmaking Process.aspxAndgt;. Acesso em 04 de abril de 20
  • [15] Baosteel. Disponível em: Andlt;http://www.baosteel.com/group_en/contents/2863/39896.htmlAndgt;. Acesso em 06 de abril de 2014.
  • [16] Dan Joe Friedman, Rock Wool, Mineral Wool, Andamp; Slag Wool Building Insulation Identification, Washington.2014. Disponível em: Andlt;http://inspectapedia.com/interiors/Rock_Wool_Insulation.htmAndgt;. Acesso em 06 de abril de 2014.
  • [17] GERDAU AMERISTEEL. Disponível em: Andlt;http://www.gerdau.com.br/media- center/noticias.aspx?language=pt-BRAndamp;Codigo=a6f07dc6-b5da-46be-9f1f 9183e8ff94dbAndgt;. Acesso em 23 de abril 2014.
  • [18] HARSCO. Disponível em: Andlt;http://www.harsco.com/Andgt;. Acesso em 09 de jan. 2014.
  • [19] Instituto Aço Brasil. Disponível em: Andlt;http://www.ccabrasil.org.br/noticias.asp?id-16Andgt;. Acesso em 30 de março de 2014.
  • [20] Kiessling, Roland, Nils Lange - Non-Metallic Inclusions in Steel British Corrosion, Volume 13 Issue 2 (01 January 1978), p. 55-56. Disponível em DOI: Andlt;http://dx.doi.org/10.1179/000705978798318891Andgt;. Acesso em 02 de fev. 2014.
  • [21] RELATORIO DE SUSTENTABILIDADE ARCELORMITTAL, 2013. Disponível em: Andlt;http://www.arcelor.com.br/pdf/responsabilidade-corporativa/relatorio- sustentabilidade/relatorio-sustentabilidade-IABR.pdfAndgt;. Acesso em 20 de abril 2014.
  • [22] The European Association representing metallurgical slag producers and processors. Disponível em: Andlt;htt://www.euroslag.com/Andgt;. Acesso em 12 de abril 2014.
Como citar:

Silva, Vanessa Cristine; "ESTUDO DA VIABILIDADE DA UTILIZAÇÃO DA ESCÓRIA DE ACIARIA COMO MATÉRIA PRIMA ALTERNATIVA EM NOVOS PRODUTOS", p. 2114-2125 . In: Anais do 11º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 1, n. 4]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/designpro-ped-01135

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações