Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

ESTUDO DA ESTABILIDADE DE ANTOCIANINAS EXTRAÍDAS DOS FRUTOS DE AÇAÍ (EUTERPEA OLERACEA MART.)

COSTA, ZIZELE GOMES; SILVA, CAROLINA DE LOURDES OLIVEIRA CRUZ E; COSTA, CRISTIANE MARIA LEAL; FARIA, LÊNIO JOSÉ GUERREIRO DE;

Artigo Completo:

O açaí, como é conhecido o fruto do açaizeiro (Euterpe oleracea Mart.), produz uma bebida de grande valor nutricional e consumida em todo o mundo. Porém, o fruto apresenta também aplicação industrial como corante natural a partir da extração de antocianinas responsáveis pela sua forte coloração. Tendo-se em vista a crescente demanda da indústria por corantes de origem natural em detrimento àqueles sintetizados artificialmente, estuda-se a estabilidade do extrato antociânico quando exposto à degradação luminosa com base em dados experimentais obtidos em câmaras luminosas. Utilizou-se de lâmpadas fluorescente (15 W), incandescente (60 W), LED (5 W) e infravermelho (250 W), tendo-se como padrão uma amostra mantida no escuro, protegida da luz. São utilizados como parâmetros de monitoramento da estabilidade a caracterização dos extratos pelo teor de antocianinas e parâmetros colorimétricos (Hunter Lab). Através das análises experimentais pode ser verificado vários fatores influentes na degradação do corante e foi evidenciado que a luz teve importância fundamental nesta degradação, pois reduziu o tempo de meia vida do extrato analisado.

Artigo Completo:

Palavras-chave: ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/ENEMP2015-TC-696

Referências bibliográficas
  • [1] ALEXANDRE, D.; CUNHA, R.; HUBINGER, M. Conservação do açaí pela tecnologia de obstáculos. Ciência Tecnologia de Alimentos, v.24, n.1, p.114-119, 2004.
  • [2] CHISTÉ, R. C. Estabilidade do Extrato Antociânico Obtido da Casca do Mangostão (Garcinia mangostana L.). 2008. 106p. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) – Universidade Federal do Pará, Belém.
  • [3] CONSTANT, P. B. L. Extração, caracterização e aplicação em antocianinas de açaí. 200 199p. Tese (Doutorado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) – Universidade Federal de Viçosa, Viçosa.
  • [4] FULEKI, T.; FRANCIS, F. J. Quantitative methods for anthocyanins. 1 Extraction and determination of total anthocyanin in craberries. Journal of Food Science, v.33, p.72- 77, 1968.
  • [5] FU, B.; LABUZA, T. P. Shelf life of frozen foods. In: LABUZA, T. P.; FU, B. Denver: CRC Press, 1997. Cap. 19. p.377-41
  • [6] KARA, S.; ERÇELEBI, E. A. Thermal degradation kinetics of anthocyanins and visual colour of Urmu mulberry (Morus nigra L.). Journal of Food Engineering, v.116, p.541-547, 2013.
  • [7] LEES, D. H.; FRANCIS, F. G. Standardization of pigment analysis in cramberries. Hortscienc, [S.I.], v.7, p. 83-84, 1972.
  • [8] LIMA, V.L.A.G.; MÉLO, E.A.; LIMA, D.E.S. Efeito da Luz e da Temperatura de Congelamento Sobre a Estabilidade das Antocianinas da Pitanga Roxa. Campinas, 2005.
  • [9] MELO, K. P.; COSTA, C. M. L.; FARIA, L. J. G. Análise da Cinética de fotodegradação de bixina contida em sementes de urucum (Bixa Orellana L.). Revista Brasileira de Corantes Naturais (SBCN), Campina Grande, v.5, p.79-85, 2001.
  • [10] PATRAS, A., BRUNTON, N.P., O’DONNELL, C., TIWARI, B.K. Effect of thermal processing on anthocyanin stability in foods; mechanisms and kinetics of degradation. Trends in Food Science and Technology, 21, p. 3–11, 20
  • [11] SOUSA, M. A. C.; YUYAMA, L. K. O.; AGUIAR, J. P. L., PANTOJA, L. Suco de açaí (Euterpe oleracea Mart.): avaliação microbiológica, tratamento térmico e vida de prateleira. Acta Amazonica, v.36, n.4, p. 483 - 496, 2006.
  • [12] TAOUKIS, P. S.; LABUZA, T. P.; SAGUY, I. S. Kinetics of food deterioration and shelf-life prediction. In: VALENTAS,ÊK. J.; ROTSTEIN,ÊE.; SINGH,ÊR. P. . Boca Raton:ÊCRC Press LLC, 1997. p.361-402
Como citar:

COSTA, ZIZELE GOMES; SILVA, CAROLINA DE LOURDES OLIVEIRA CRUZ E; COSTA, CRISTIANE MARIA LEAL; FARIA, LÊNIO JOSÉ GUERREIRO DE; "ESTUDO DA ESTABILIDADE DE ANTOCIANINAS EXTRAÍDAS DOS FRUTOS DE AÇAÍ (EUTERPEA OLERACEA MART.)", p. 2031-2039 . In: In Anais do XXXVII Congresso Brasileiro de Sistemas Particulados - ENEMP 2015 [=Blucher Engineering Proceedings]. São Paulo: Blucher, 2015. . São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/ENEMP2015-TC-696

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações