Abstract - Open Access.

Idioma principal

Efeito Citotóxico e Inativação Fotodinâmica de Staphylococcus Aureus com Eritrosina e Seus Derivados

Efeito Citotóxico e Inativação Fotodinâmica de Staphylococcus Aureus com Eritrosina e Seus Derivados

Yassunaka, Natália Norika; Penha, Camila Benedetti; Silva, Alex Fiori da; Santos, Patrícia Regina dos; Souza, Katieli da Silva; Freitas, Camila Fabiano de; Hioka, Noboru; Nakamura, Tania Ueda; Mikcha, Jane Martha Graton;

Abstract:

As enfermidades de origem alimentar não causam somente transtornos à saúde e bem estar dos indivíduos afetados, mas também se associam a graves consequências econômicas para a sociedade. Staphylococcus aureus é um patógeno de grande importância, pois é frequentemente responsável por intoxicações alimentares. O presente trabalho avaliou o efeito da Inativação Fotodinâmica utilizando como Fotossensibilizadores (FS’s), a Eritrosina (ERI) e seus derivados ésteres metil (ERIMET) e butil (ERIBUT) frente à bactéria Staphylococcus aureus ATCC 25923, bem como a citotoxicidade dos FS’s em células VERO ATCC CCL81. Os FS’s foram diluídos em Tampão Fosfato-Salino pH 7,4 (PBS) e Dimetil Sulfóxido 5% (DMSO). As células foram cultivadas em meio DMEM suplementado com 10% de soro fetal bovino (SFB) e 50 µg/ml de gentamicina, sendo incubadas a 37 °C com 5% de COAndlt;subAndgt;2Andlt;/subAndgt;. Foram semeadas em microplacas de 96 poços (2,5 x 10Andlt;supAndgt;4Andlt;/supAndgt; células/poço) e incubadas até a obtenção de 90% de confluência celular. Diferentes concentrações dos FS’s foram adicionadas e após 48h de incubação as placas foram reveladas pelo método de MTT e a concentração tóxica para 50% das células (CCAndlt;subAndgt;50Andlt;/subAndgt;) foi determinada. A cultura bacteriana de S. aureus incubada a 35 ºC/24h em Caldo Triptona de Soja (TSB) foi coletada por centrifugação, lavada e ressuspendida em solução salina 0,85% estéril. O inóculo foi ajustado a 10Andlt;supAndgt;8Andlt;/supAndgt; Unidades Formadoras de Colônia (UFC)/mL e diluído a uma concentração final de 10Andlt;supAndgt;5Andlt;/supAndgt; UFC/mL no experimento. A suspensão foi incubada no escuro com os FS’s (1,0 x 10Andlt;supAndgt;-5Andlt;/supAndgt;M) por 10 minutos e iluminada por 5 minutos. A fonte de luz utilizada foi o Diodo Emissor de Luz (LED) de cor verde com Andamp;#955; de 508nm e potência de 0,5W. Dois grupos controle foram utilizados; 1 – (FS + Inóculo) e 2 – (Inóculo + Tampão PBS + DMSO), ambos incubados no escuro e não iluminados. Amostras tratadas e os controles foram diluídos e semeados em Ágar Triptona de Soja (TSA) a 35 ºC/24h. Os resultados mostraram que células vegetativas de S. aureus após tratamento obtiveram uma redução de 5 log para todos os FS’s. Com exceção do derivado ERIBUT, que não se mostrou tóxico nas concentrações testadas (CCAndlt;subAndgt;50Andlt;/subAndgt; Andamp;gt; 10Andlt;supAndgt;-5Andlt;/supAndgt;M), os demais FS’s apresentaram valores de CCAndlt;subAndgt;50Andlt;/subAndgt; entre 5,53 e 8,8 x 10Andlt;supAndgt;-6Andlt;/supAndgt;M. Conclui-se que, concentrações menores de FS’s e tempos de exposição maiores poderiam ser investigados como uma alternativa mais segura para o uso em alimentos.

Abstract:

Palavras-chave: Citotoxicidade, Eritrosina, Inativação fotodinâmica, Staphylococcus aureus,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/foodsci-microal-343

Referências bibliográficas
Como citar:

Yassunaka, Natália Norika; Penha, Camila Benedetti; Silva, Alex Fiori da; Santos, Patrícia Regina dos; Souza, Katieli da Silva; Freitas, Camila Fabiano de; Hioka, Noboru; Nakamura, Tania Ueda; Mikcha, Jane Martha Graton; "Efeito Citotóxico e Inativação Fotodinâmica de Staphylococcus Aureus com Eritrosina e Seus Derivados", p. 143-144 . In: Proceedings of the XII Latin American Congress on Food Microbiology and Hygiene [=Blucher Food Science Proceedings, v.1, n.1]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2359-201X, DOI 10.5151/foodsci-microal-343

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações