Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

ECO2EFICIÊNCIA EM FROTAS DE CARGA

Maia, Décio Magioli; Carvalho, Rogério Nascimento de;

Artigo Completo:

Atualmente a procura por aumento da eficiência energética dos motores e veículos é crescente, não só pela redução do consumo dos recursos naturais mas também pela redução dos gastos com a energia. Aliado a isto, aumenta cada vez mais a consciência ambiental de que podemos minimizar e até reverter os efeitos nocivos dos poluentes que lançamos na atmosfera, onde a emissão de CO2 tem destaque nas discussões mundiais. Atualmente a procura por aumento da eficiência energética dos motores e veículos é crescente, não só pela redução do consumo dos recursos naturais mas também pela redução dos gastos com a energia. Aliado a isto, aumenta cada vez mais a consciência ambiental de que podemos minimizar e até reverter os efeitos nocivos dos poluentes que lançamos na atmosfera, onde a emissão de CO2 tem destaque nas discussões mundiais. Quanto aos veículos pesados de transporte de carga, poucos trabalhos no Brasil apresentam soluções possíveis de serem implantadas a curto e médio prazos e, mesmo assim, com resultados apenas qualitativos. Este trabalho selecionou uma frota real de 9.000 caminhões de transporte de carga e, partindo de soluções mais convencionais até aquelas mais disruptivas, estimou os benefícios de redução do consumo de óleo diesel e da respectiva emissão de CO2 durante um ano de utilização empregando algumas sugestões, chegando a números surpreendentes.

Artigo Completo:

Palavras-chave: ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/engpro-simea2015-PAP226

Referências bibliográficas
  • [1] INMETRO, 2015, Tabelas de Consumo / Eficiência Enegética de Veículos Automotores Leves, Disponível em: http://www.inmetro.gov.br/consumidor/pbe/veiculos_leves_2015.pdf.
  • [2] CONPET, 2015, Programa Brasileiro de Etiquetagem – Consulta de Veículos Leves, Disponível em: http://pbeveicular.petrobras.com.br/TabelaConsumo.aspx.
  • [3] ABNT NBR 7024, 2010, Veículos rodoviários automotores leves – Medição do consumo de combustível – Método de ensaio, Associação Brasileira de Normas Técnicas, Rio de Janeiro, Brasil.
  • [4] ABNT NBR 10312, 2014, Veículos rodoviários automotores leves - Determinação da resistência ao deslocamento por desaceleração livre em pista de rolamento e simulação em dinamômetro.
  • [5] MDIC/INMETRO, 2008, Portaria 391, 04 de novembro de 2008.
  • [6] MMA, 2013, Inventário Nacional de Emissões Atmosféricas por Veículos Automotores Rodoviários 2013, Brasília, janeiro 2014
  • [7] NATIONAL ACADEMY OF SCIENCES, DOE Supertruck Program, 2010
  • [8] IDC, Shippres Summit Andamp; Green Freight Training Program, 2010
  • [9] UNITED STATES TRANSPORT RESEARCH BOARD, 2010.
  • [10] TOYOTA DO BRASIL, Veículos Hibrido e Fuel Cell, Seminário de Propulsões Alternativas AEA, São Caetano do Sul, Apresentado em 29 de abril de 2015.
  • [11] MAN LATIN AMERICA, Ganhos Energéticos do Caminhão Híbrido, 1° Seminário Internacional de Eficiência Energética, Brasília, Apresentação em 05 de junho de 2013.
  • [12] BOSCH, Sistema Diesel-Gás, Disponível em http://www.bosch.com.br/Imprensa/Releases/Detalhes.aspx?idRelease=8608
Como citar:

Maia, Décio Magioli; Carvalho, Rogério Nascimento de; "ECO2EFICIÊNCIA EM FROTAS DE CARGA", p. 751-761 . In: In Anais do XXIII Simpósio Internacional de Engenharia Automotica - SIMEA 2014 [=Blucher Engineering Proceedings]. São Paulo: Blucher, 2015. . São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/engpro-simea2015-PAP226

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações