Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

DETERMINAÇÃO EXPERIMENTAL DA CINÉTICA DE SECAGEM DO MORANGO.

JORGE, I.R.; SILVA, M.B.;

Artigo Completo:

O morango é conhecido e produzido por todo o mundo por ser um fruto atrativo e valorizado, ser fonte de vitaminas e nutrientes, o tornando a espécie de maior expressão econômica entre as pequenas frutas e com uma alta demanda. O consumo desse fruto acontece das mais diversas formas, o que faz com que alternativas para seu armazenamento sejam estudadas. O objetivo desse trabalho foi estudar a cinética de secagem do morango, através da variação da temperatura (80°C e 90°C) e da forma geométrica (cúbica e cilíndrica), utilizando a balança medidora de umidade através de infravermelho, visando o ajuste dos dados experimentais aos modelos da literatura. A temperatura de secagem apresentou maior influência quando comparado à geometria do morango. O processo foi mais eficiente utilizando a temperatura de 90°C e a forma cúbica. O modelo logarítmico foi o que melhor se ajustou aos dados experimentais, apresentando R² maior que 99% e DQM menor que 0,0170 para todos os casos.

Artigo Completo:

Palavras-chave: ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2015-305-33893-263356

Referências bibliográficas
  • [1] BENDLIN, R. C. S. Secagem convectiva de erva-mate. 2003. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Alimentos)-Departamento de Engenharia Química e de Alimentos, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2003.
  • [2] INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Normas analíticas, métodos químicos e físicos para análise de alimentos. São Paulo,1985.
  • [3] MCCABE, W. L.; SMITH, J.C.; HARRIOTT, P. Unit operations of chemical engineering. 7th Ed. Boston: McGraw-Hill, 2005.
  • [4] MACAN, L. R. Avaliação físico-química. Curso de Tecnologia em Alimentos, Universidade do Extremo Sul Catarinense, Criciúma, 2013.
  • [5] VENENCIO, G. Avaliação da degradação pelargonidina. Instituto de Ciência e Tecnologia de Alimentos, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2010.
  • [6] VERBEYST, L.; OEY, I.; PLANCKEN, I.V.; HENDRICKX, M.; LOE, A. V. Kinetic study. Food Chemistry. Bélgica. v. 123, n.2, p.269-274,2010.
Como citar:

JORGE, I.R.; SILVA, M.B.; "DETERMINAÇÃO EXPERIMENTAL DA CINÉTICA DE SECAGEM DO MORANGO.", p. 1806-1811 . In: Anais do XI Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.3]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2015-305-33893-263356

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações