Artigo - Open Access.

Idioma principal

CONTRIBUIÇÃO DO DESIGN PARA AS SMART CITIES

Daros, Carolina; Kistmann, Virginia Borges; Zaina, Tatiana Zimermann;

Artigo:

O presente artigo apresenta um estudo teórico sobre o conceito de Smart City (SC) relacionado à gestão de design. Para isso, parte da definição do termo SC identificando as áreas pertinentes às aplicações dessa abordagem. A seguir, estabelece as possíveis relações com o design de modo abrangente. O artigo se fundamenta em uma pesquisa baseada em revisão de literatura integrativa, a qual buscou consolidar as definições e abordagens encontradas através de tendências globais comuns. Os resultados apontam as potenciais áreas de atuação do designer no âmbito desta temática.

Artigo:

This paper presents a theoretical study about the concept of Smart City (SC) related to design. It starts with the definition of SC, and it is described briefly the relevant applications of this approach areas. The following sets out the possible relations with the design comprehensively. This paper is based on integrative literature rewiew, which sought to consolidate the definitions and approaches found through common global trends. The results indicate the potential areas of the designer within this thematic.

Palavras-chave: smart city, cidades inteligentes, gestão de design., smart city, design management.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/designpro-ped-01448

Referências bibliográficas
  • [1] BOYKO, C.T. et al. Adressing sustainability early in the urban design process. Management of Environmental Quality. Bradford, v.17, nº6, p. 689‐706, 2006.
  • [2] CARAGLIU, A., DEL BO, C.; NIJKAMP, P. Smart Cities in Europe. In 3rd Central European conference in regional science – CERS 2009, 7–9 October Košice, Slovak Republic. 2009.
  • [3] CEBREIROS, Jorge; GULÍN, Marcos Pérez. Guia Smart Cities “Cidades com Futuro”: agenda digital local Galicia‐Norte Portugal. Eixo Atlântico do Noroeste Península: 2014.
  • [4] CORDEIRO, A. M; OLIVEIRA, G. M; RENTERÍA, J. M; GUIMARÃES C. A. Revisão sistemática: uma revisão narrativa. Grupo de Estudo de Revisão Sistemática do Rio de Janeiro (GERS‐Rio). Rev. Col. Bras. Cir. Vol. 34 ‐ Nº 6, Nov/Dez 2007.
  • [5] CORREIA, L. M., WÜNSTEL, K. Smart Cities applications and requirements. White Paper of the Experts Working Group, Net!Works European Technology Platform. 2011 Andlt;http://www.scribd.com/doc/87944173/White‐Paper‐Smart‐Cities‐ ApplicationsAndgt; Accessado em 10/04/2014
  • [6] DAROS, Carolina. Design para a sustentabilidade: oportunidades de inovaçãoo a partir dos hábitos de consumo na habitação de interesse social. 2013. 182 f. Dissertação (mestrado) ‐ Universidade Federal do Paraná, Curso de Pós Graduação em Design.
  • [7] FREEMAN, C. PEREZ, C. Structural crises of adjustment: business cycles, 1988.
  • [8] GALVÃO, C. M, SAWADA N. O., TREVIZAN M. A. Revisão sistemática: recurso que proporciona a incorporação das evidências na prática da enfermagem. Rev Latino‐ am Enfermagem 2004 Mai‐Jun; 12(3):549‐56
  • [9] GIFFINGER, R., FERTNER, C., KRAMAR, H., KALASEK, R., PICHLER‐MILANOVIC´, N., MEIJERS, E. Smart Cities: Ranking of European medium‐sized cities. Vienna, Austria: Centre of Regional Science (SRF), Vienna University of Technology. 2007 Andlt;http:// www.smart‐ cities.eu/download/smart_cities_final_report.pdfAndgt; Accessado 10/04/2014
  • [10] HARRISON, C.; DONNELLY, I. A. A theory of smart cities. White Paper, IBM Corporation, 2011. Disponível em http://journals.isss.org/index.php/proceedings55th/article/ viewFile/1703/572. Acesso em 15/04/2014
  • [11] Hollands, R. G. Will the real smart city please stand up? Intelligent, progressive or entrepreneurial? City, 12(3), 303–319, 2008.
  • [12] LEITE, Carlos. Cidades sustentáveis, cidades inteligentes [recurso eletrônico]: desenvolvimento sustentável num planeta urbanograduação e pós‐graduação. Canoas: Salles, 2004.
  • [13] MANZINI, E. Design para a inovação social e sustentabilidade: Comunidades criativas, organizações colaborativas e novas redes projetuais. 2009.
  • [14] MENDES, K. D. S; SILVEIRA, R. C. C. P; GALVÃO, C. M. Revisão integrativa: método de pesquisa para incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto Andamp; Contexto Enfermagem [on line]; vol. 17, nº. 4, p. 758‐764; 2008. Disponível em: Andlt;http://www.scielo.br/pdf/tce/v17n4/ 18.pdfAndgt;. Acesso em: 06/05/20
  • [15] McAfee, A., Andamp; Brynjolfsson, E. (2012). Big Data’s Management revolution. Harward Business Review.
  • [16] McKinsey Global Institute (2011). Big Data: The next frontier for innovation, competition and productivity Andlt;http://www.mckinsey.com/insights/business_technology/big_data_the_next_frontier_for_innovationAndgt; Acessado em 23/04/2014.
  • [17] OCDE – Organização para a Cooperacão e Desenvolvimento Econômico Territorial Reviews: Competitive Cities in the Global Economy. 2012
  • [18] ONU – HABITAT. Estado de Las Ciudades de América Latina Y El Caribe 2012: Rumbo a una nueva transición urbana. Programa de las Naciones Unidas para las Asentamientos Humanos. Agosto, 2012.
  • [19] RASOOLIMANESH, S.M.; BADARULZAMAN, N.; JAAFAR, M. Achievement to Sustainable Urban Development using City Development Strategies: A Comparison between Cities Alliance and the World Bank definitions. Journal of Sustainable Development, v. 4, n. 5, p. 151‐166, 2011.
  • [20] SCHUMPETER, J.A. Teoria do Desenvolvimento econômico: uma investigação sobre lucros, capital, crédito, juro e o ciclo econômico. Círculo do Livro – São Paulo, 1999.
  • [21] TOPPETA, D. The Smart City vision: How Innovation and ICT can build smart, ‘‘liveable’’, sustainable cities. The Innovation Knowledge Foundation. Think!Report, 005/2010. Disponível em http://www.thinkinnovation.org/file/research/23/en/Toppeta_Report_005_2010.pdf. Acesso em 15/03/2014
  • [22] WEISS, Cesar Marcos; BERNARDES, Roberto Carlos; CONSONI, Flavia Luciane. Cidades inteligentes: casos e perspectivas para as cidades brasileiras. http://www.altec2013.org/programme_pdf/1511.pdf. Acessado em: 03/03/2014.
Como citar:

Daros, Carolina; Kistmann, Virginia Borges; Zaina, Tatiana Zimermann; "CONTRIBUIÇÃO DO DESIGN PARA AS SMART CITIES", p. 2603-2614 . In: Anais do 11º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 1, n. 4]. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/designpro-ped-01448

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações