Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

COMPORTAMENTO HIGROSCÓPICO DA SEMENTES DE LINHAÇA (LINUM USITATISSIMUM L.).

CAMPOS, GABRIELA ZAMPIERI; VIEIRA, JOSÉ ANTONIO GOMES;

Artigo Completo:

Avaliou-se o comportamento higroscópico da semente de linhaça. Obtive-se dado de equilíbrio de sorção de umidade a 40, 50 e 60ºC, através de um método estático, onde recipientes de 500 mL contendo soluções saturadas de sais foram utilizados como ambientes geradores de umidades relativas constantes, na faixa de 29 a 80%. Os parâmetros dos modelos de: GAB, GAB modificada, BET, Henderson e Oswin, foram ajustados aos dados experimentais. O desvio relativo entre os valores experimentais e os valores estimados foi calculado para cada dado de umidade de equilíbrio, a fim de se avaliar qual equação melhor se ajustou aos dados experimentais. Dos modelos testados os que apresentaram melhores ajustes para as sementes de linhaça foram o de BET, seguidos por GAB e BET modificado para temperaturas de 40 e 60ºC e para 50ºC foram os de Henderson e Oswin.

Artigo Completo:

Palavras-chave: ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/ENEMP2015-SE-379

Referências bibliográficas
  • [1] Al-MUHTASEB, A. H.; MCMINN, W. A. M.; MAGEE, T. R. A. Moisture sorption isotherm characteristics of food products: a review. Food and Bioproducts Processing, v.80, p.118-128, 2002.
  • [2] BASTOS, S. M. C. Propriedades termodinâmicas de adsorção de água de dois genótipos de arroz vermelho. Dissertação de Mestrado, Universidade Estadual de Goiás. Anápolis, p133, 2009.
  • [3] CHIRIFE, J.; IGLESIAS, H. A. Equations for fitting water sorption isotherms of foods: Part 1 – A review. Journal of Food Technology, v.13, 159-174,1978.
  • [4] COSKUNER,Y.; KARABABA, E. Some physical properties of flaxseed (Linumusitatissimum L.). Journal of Food Engineering, v.78, p.1067–1073, 2007.
  • [5] JAAFAR, F.; MICHALOWSKI, S. Modified BET equation for sorption/desorption isotherms. Drying Technology, v.8, p.811-827,1990.
  • [6] LIMA, C. C.. Aplicação das Farinhas de Linhaça (Linum usitatissimum L.) e Maracujá (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg.) no Processamento de Pães com Propriedades Funcionais. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza. p.97,2007.
  • [7] MAROULIS, Z. B. et al. Application of the GAB model to the sorption isotherms for dried fruits. Journal of Food Engineering, v.7, p.63-70,1988.
  • [8] PARK, K. J.; NOQUEIRA, R. I. Modelos para ajuste de isotermas de sorção de alimentos. Engenharia Rural, Piracicaba, v.3 p. 80-6,1992.
  • [9] RESENDE, O. Isotermas e calor isostérico de sorção do feijão. Ciência e Tecnoogia.de Alimenostos, Campinas, v. 26, p.626-631,2006.
  • [10] RIZVI, S. S. H. Thermodynamic Properties of Foods in Dehydration. In Engineering Properties of Ffoods, v.25, p.239-326,2005.
  • [11] RIZVI, S. S. H. In M. A. RAO Andamp; S.S.H. RIZVI (Eds.), Engineering Properties of Foods. New York: Academic Press, 1995.
  • [12] VALENTE, M. C. C. Avaliação das condições de secagem no rendimento e na qualidade do óleo de linhaça (Linun usitatissimum L.). Dissertação de Mestrado, Universidade Federal do Pará, Belém, p.123 2011.
Como citar:

CAMPOS, GABRIELA ZAMPIERI; VIEIRA, JOSÉ ANTONIO GOMES; "COMPORTAMENTO HIGROSCÓPICO DA SEMENTES DE LINHAÇA (LINUM USITATISSIMUM L.).", p. 1474-1478 . In: In Anais do XXXVII Congresso Brasileiro de Sistemas Particulados - ENEMP 2015 [=Blucher Engineering Proceedings]. São Paulo: Blucher, 2015. . São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/ENEMP2015-SE-379

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações