Completo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Caracterização Física e Química de Terminalia catappa Linn, Utilizadas na Arborização de Áreas Urbanas de Cuité-PB

Physical and chemical characterization of the Terminalia catappa Linn, utilized in afforestation of the urban areas of Cuité-PB

Leite, Dayana Moreira; Silva, Aline Priscila de F.; Mattos, Mônica Andrade de; Sousa, Ana Paula Moisés; Santana, Renato Alexandre C. de; Campos, Ana Regina Nascimento;

Completo:

Originária da índia, a castanhola, cujo nome científico é Terminalia catappa Linn, uma espécie da família das Combretáceas, é uma árvore exótica distribuída nas regiões costeiras e bem adaptada às condições de clima e solos do Brasil, inclusive no semiárido nordestino. Embora seja bem difundida em solo brasileiro, estudos sobre a referida espécie ainda são bastante escassos na literatura. Este trabalho teve como objetivo realizar a caracterização física e química das castanholas (T. catappa Linn) utilizadas na arborização das vias públicas da cidade de Cuité – PB, situada na região do Curimataú Paraibano. As partes constituintes desta espécie apresentadas neste trabalho foram folhas, frutos e a amêndoa, coletados de árvores em estado de frutificação existentes nas ruas da cidade. Os parâmetros físicos obtidos para os frutos foram: determinação de massas utilizando balança analítica; altura e diâmetros, usando paquímetro; e densidade fruto. Foram avaliados os seguintes parâmetros químicos: teor de água, resíduo mineral, pH, acidez titulável, Brix e teor de minerais. Os valores obtidos na caracterização física foram: peso médio do fruto 38,48 g, altura 52,80 mm, densidades 0,93 g/cm3 e 0,99 g/cm3. Os resultados obtidos nas análises químicas foram: teor de água 87,39% (polpa), 32,29% (amêndoa) 77,31% (folha); pH 4,67 (polpa), 4,57 (folha); acidez 9,3% (polpa), 10,29% (folha); °Brix 7,75; resíduo mineral 15,19% (folha); os teores de minerais encontrados na folha da castanhola foram K (41.24%), Ca (32.84%), Fe (32.84%) e P (1.08%). A biometria determinada dos frutos da castanhola foi semelhante aos encontrados por outros autores. Foram encontrados altos teores de potássio, cálcio e ferro na folha da castanhola. A literatura consultada indica várias aplicações para castanhola seja nos aspectos, econômicos, medicinais e alimentar, no entanto, esta ainda é bastante subutilizada.

Completo:

Originally from India, the castanets, whose scientific name is Terminalia catappa Linn, a species of the family of Combretáceas, is an exotic tree distributed in coastal regions and well adapted to the climate conditions and soils of Brazil, including in the semi-arid northeast. While it is widespread in Brazilian soil, studies of the species are still quite scarce in the literature. This study aimed to carry out physical and chemical characterization of castanets (T. catappa Linn) used in the afforestation of public roads of the city of Cuité - PB, located in Curimataú Paraiba region. The constituent parts of this species presented in this paper were leaves, fruits and kernels collected from trees in a state of existing fruiting on city streets. The physical parameters obtained for the fruits were: determination of masses using analytical balance; height and diameter, using caliper; and density result. We evaluated the following chemical parameters: water content, mineral residue, pH, titratable acidity, Brix and minerals content. The values obtained in the physical characterization were: average fruit weight 38.48 g, 52.80 mm height, density 0.93 g/cm3 and 0.99 g/cm3. The results of chemical analyzes were: water content 87.39% (pulp), 32.29% (almond) 77.31% (leaf); pH 4.67 (squash), 4.57 (leaf); acidity 9.3% (pulp), 10.29% (leaf); 7.75 ° Brix; mineral residue 15.19% (leaf); the mineral levels found in castanets leaf were K (41.24%), Ca (32.84%), Fe (32.84%) and P (1.8%). At one biometry of the fruits of castanets it was similar to those reported by other authors. Found high levels of potassium, calcium and iron in the castanet sheet. The literature indicates various applications for castanet is in, economic, medicinal and food, however, this is still quite underutilized.

Palavras-chave: Biometria; Fruto; Castanhola,

Palavras-chave: Biometry; Fruit; Castanets,

DOI: 10.5151/chenpro-5erq-am5

Referências bibliográficas
  • [1] CAVALCANTE, M. A. et al. Características físicas químicas da Castanhola, Terminalia catappa Linn, Ciência Agronômica, v. 17, n. 1, p. 111-116. 1986.
  • [2] CHITARRA, M. I. F.; CHITARRA, A. B. C. Pós-colheita de frutas e hortaliças: fisiologia e manuseio. 2 ed. Lavras: UFLA, 2005, 785p.
  • [3] COLLINS, D.J.; PILOTTI, C.A.; WALLIS, F.A.; 1992. Triterpene acids from some Papua New Guinea Terminalia species. Phytochemistry 32 (3), 881-884.
  • [4] COSTA, W. S. da, FILHO, J. S., MATA, M. E. R. M. C., QUEIROZ, A. J. de M. Influência da concentração de sólidos solúveis totais no sinal fotoacústico de polpa de manga. Revista Brasileira de Produtos Agroindustriais, v.6, n.2, p.141-147, 200
  • [5] DE PAULA, A. A. Caracterização físico-química e avaliação do potencial antioxidante dos frutos da Terminalia catappa Linn/ Andréia Alves de Paula. –Itapetinga: Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, (Dissertação Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos, 91p. 2008.
  • [6] ENIEL, D. C.; MARTINS, F. O.; CARVALHO, J.E.U. Biometria de sementes e germinação de jatobá-curuba (Hymenaea intermédia Ducke, Leguminoseae-Caesalpinioideae). Revista Brasileira de Botânica. São Paulo, v.4, n.2, p.1-6, 2001.
  • [7] M.L.P. MELO; G.A. MAIA; A.P.V. SILVA; G.S.F. OLIVEIRA; R.W. FIGUEIREDO. Caracterização físico-química da amêndoa da Castanha de caju (Anacardium Occidentale L.) Crua E Tostada. Ciência e Tecnologia de Alimentos, vol. 18 n. 2 Campinas Maio/Junho 1998.
  • [8] INSTITUTO ADOLFO LUTZ (São Paulo). Métodos físico-químicos para análises de alimentos. Coordenadores: Odair Zenebon; Neus Sadoco Pascuet & Pablo Tigea. São Paulo, Ed. 4, 1ª Edição Digital, 200
  • [9] IVANI, S. A.; SILVA, B. M. S.; OLIVEIRA, C.; MÔRO, F. V. Morfologia de frutos, sementes e plântulas de castanheira (Terminalia catappa L. – Combretaceae). Revista Brasileira de Fruticultura. Jaboticabal, vol.30, n. 2, 2008.
  • [10] KRAUSE, M. V.; MAHAN, L. K. Alimentos, nutrição e dietoterapia. São Paulo: Livraria Roca, 981p ,1991.
  • [11] LAJOLO, F. M. As deficiências da composição de alimentos no Brasil. Simpósio das Instituições de Alimento e Nutrição. 2-5 p, 1995.
  • [12] LIMA, R. M. T. de, Fruto da castanhola (Terminalia catappa Linn): compostos bioativos, atividade antioxidante e aplicação tecnológica, Programa de Pós-Graduação em Alimentos e Nutrição - PPGAN Teresina, 20
  • [13] MAHAN LK, ESCOTT-STUMP S. Krause: alimentos, nutrição e dietoterapia. 10. ed.São Paulo: Roca, 2002. 1179p.
  • [14] MARQUES M. R., PAZ D. D., BATISTA L. P. R., BARBOSA C. de O., ARAÚJO M. A. M., MOREIRA-ARAÚJO R. S. dos R. Composição física, físico-química, química, análise do teor de fenólicos totais e poder antioxidante in vitro de frutos de Castanhola (Terminalia catappa Linn);
  • [15] Ciências Tecnologia Alimentos, Campinas, 32(1): 209-213, jan.-mar. 2012
  • [16] MORAES, R. R. de. Refratometria. Governo do estado do Piauí. FAPEPI, 2006. Disponível em http://www.fapepi.pi.gov.br. Acessado em julho de 2008.
  • [17] PETERSON, M. S.; Johnson, A. H. Encyclopedia of food science, vol.2.p.100-125, 1978.
  • [18] SGABIERI, W.C. Alimentação e nutrição: fator de saúde e desenvolvimento. /Almed, 1987.
  • [19] SILVA, M.N.F.; VALENTE, M.C. Flora da Reserva Ducke, Amazonas, Brasil: Combretaceae. Rodriguésia, Rio de Janeiro, v. 56, n. 86, p. 131-140. 2005.
  • [20] SOUTO, P. C.; SALES, F. C. V.; SOUTO, J. S.; SANTOS, R. V.; SOUSA, A. A. Biometria de frutos e número de sementes de Calotropis procera (Ait.) R. Br. no semiárido da Paraíba. Revista Verde, v.3, n.1, p.108-113, 2008.
  • [21] TEIXEIRA, H. L. Dissertação de mestrado: Composição Química e Perfil de Ácidos Graxos da Castanha do Fruto da Castanhola (Terminalia catappa Linn). Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos, Área de Concentração em Engenharia de Alimentos. Itapetinga: Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, 60 fl, 2010.
  • [22] Território do Curimataú: Resumo Executivo Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável – PTDRS Território do Curimataú-PB. Paraíba, 2010. Disponível em: . Acesso: 25 ago. 2015.
Como citar:

Leite, Dayana Moreira; Silva, Aline Priscila de F.; Mattos, Mônica Andrade de; Sousa, Ana Paula Moisés; Santana, Renato Alexandre C. de; Campos, Ana Regina Nascimento; "Caracterização Física e Química de Terminalia catappa Linn, Utilizadas na Arborização de Áreas Urbanas de Cuité-PB", p. 647-654 . In: Anais do V Encontro Regional de Química & IV Encontro Nacional de Química [=Blucher Chemistry Proceedings].. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2318-4043, DOI 10.5151/chenpro-5erq-am5

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações