Artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

APROPRIAÇÃO ESPACIAL DAS CRIANÇAS – UM ESTUDO ERGONÔMICO NO PÁTIO ESCOLAR

APPROPRIATION OF CHILDREN:  AN ERGONOMIC STUDY IN THE SCHOOL YARD

SAVI, Aline Eyng; RECH, Gracielle Rodrigues da Fonseca;

Artigo:

A escola é ambiente de experiências da criança com a participação na vida coletiva. Nela, o pátio incorpora complexidade e diversidade de funções. Com o objetivo de avaliar as suas condições físicas e as relações com a apropriação das crianças, para adequá-las às exigências específicas; o artigo apresenta o estudo de caso no pátio do Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Santa Catarina. Para o estudo foram utilizados: Observação, Levantamento Arquitetônico e Entrevista, que resultaram na leitura espacial. A territorialidade mostrou-se fundamental para delimitar os postos de atividades e para propor sugestões e recomendações projetuais.

Artigo:

The school is child''s experiences environment to participation in collective life. In it, the courtyard incorporates complexity and diversity of functions. In order to assess their physical conditions and relations with the appropriation of children, to adapt them to the specific requirements; the article presents a case study on Colégio de Aplicação of the Universidade Federal de Santa Catarina. The following were applied: observation, Architectural Survey and interviews, which resulted in spatial reading. The territoriality was essential to define the activities stations and to offer suggestions and recommendations.

Palavras-chave: Ergonomia, Pátio escolar, Crianças, Ergonomics, School yard, Children,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/15ergodesign-11-E013

Referências bibliográficas
  • [1] ALMEIDA, Maristela Moraes. Análise das interações entre o homem e o ambiente. Dissertação de Mestrado em Engenharia. Florianópolis: UFSC, 1995. Disponível em: Andlt;http://www.eps.ufsc.br/disserta/maristelaAndgt;. Acesso em 16 de nov. de 2014.
  • [2] AZEVEDO, Giselle Arteiro Nielsen; RHEINGANTZ, Paulo Afonso. TÂNGARI, Vera Regina (organizadores). O lugar do pátio escolar no sistema de espaços livres: uso, forma e apropriação. Rio de Janeiro, UFRJ/FAU/PROARQ, 2011. 203 p. (Coleção PROARQ)
  • [3] BINS ELY, Vera Helena Moro. Acessibilidade Espacial – Condição Necessária para o Projeto de Ambientes Inclusivos. In: MORAES, Anamaria (org.). Ergodesign do Ambiente Construído e Habitado: Ambiente Urbano, Ambiente Público, Ambiente Laboral. Rio de Janeiro: IUsEr, 2004. 146pg.
  • [4] ______, Vera Helena Moro. Ergonomia + Arquitetura: buscando um melhor desempenho do ambiente físico. In: Anais do 3º Ergodesign - 3º Congresso Internacional de Ergonomia e Usabilidade de Interfaces Humano-Tecnologia: Produtos, Programas, Informação, Ambiente Construído. Rio de Janeiro, RJ: LEUI/PUC-Rio, 2003.
  • [5] FARIA, Ana Beatriz Goulart de. O pátio escolar como ter[ritó]rio [de paisagem] entre a escola e a cidade. In: AZEVEDO, Giselle Arteiro Nielsen; RHEINGANTZ, Paulo Afonso. TÂNGARI, Vera Regina (organizadores). O lugar do pátio escolar no sistema de espaços livres: uso, forma e apropriação. Rio de Janeiro, UFRJ/FAU/PROARQ, 2011. 203 p. (Coleção PROARQ)
  • [6] GONÇALVEZ, Fábio Mariz; FLORES, Laís Regina. Espaços livres em escolar – Questões para debate. In: AZEVEDO, Giselle Arteiro Nielsen; RHEINGANTZ, Paulo Afonso. TÂNGARI, Vera Regina (organizadores). O lugar do pátio escolar no sistema de espaços livres: uso, forma e apropriação. Rio de Janeiro, UFRJ/FAU/PROARQ, 2011. 203 p. (Coleção PROARQ)
  • [7] HALL, Edward Twitchell. A dimensão oculta. São Paulo: Ed. Martins Fontes, 2005. 258 p.
  • [8] HEIDEGGER, Martin. Ser e tempo. 12.ed. Petrópoles, RJ: Vozes; Bragança Paulista, SP: Universidade São Francisco, 2002 - 2004. 2 v. (Pensamento humano).
  • [9] HERTZBERGER, Herman. Lições de arquitetura. 2.ed. São Paulo: M. Fontes, 199 272 p.
  • [10] KOWALTOWSKI, Doris C.C.K. Arquitetura escolar: o projeto do ambiente de ensino. São Paulo: Oficina de Textos, 2011. 270 p.
  • [11] MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Técnicas de Pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas de pesquisa, elaboração, análise e interpretação de dados. 3. ed.rev. e ampl. São Paulo: Ed. Atlas, 1996. 231 p.
  • [12] OKAMOTO, Jun. Percepção Ambiental e comportamento: visão holística da percepção ambiental na arquitetura e na comunicação. São Paulo: Ed. Mackenzie, 2002. 261 p.
  • [13] RIBEIRO, Lúcia Gomes; MONT’ALVÃO, Claúdia. Ergonomia no Ambiente Construído. In: MORAES, Anamaria (org.). Ergodesign do Ambiente Construído e Habitado: Ambiente Urbano, Ambiente Público, Ambiente Laboral. Rio de Janeiro: IUsEr, 2004. 146 p.
  • [14] SARMENTO, Manuel J.; PINTO, Manuel (1997). As crianças e a infância: definindo conceitos, delimitando o campo. In: SARMENTO, Manuel J.; PINTO, Manuel (organizadores). As crianças contextos e identidades. Centro de Estudos da Criança. Universidade do Minho. Portugal.
  • [15] TRANCIK, Anika M.; EVANS, Gary W. Spaces Fit for Children: Competency in the Design of Daycare Center Environments. In: Children’s Environments. Colorado, v. 12, n. 03, 1995. p. 43-58. Disponível em: Andlt;http://www.colorado.edu/journals/cyeAndgt;. Acesso em 23 set. 2006.
Como citar:

SAVI, Aline Eyng; RECH, Gracielle Rodrigues da Fonseca; "APROPRIAÇÃO ESPACIAL DAS CRIANÇAS – UM ESTUDO ERGONÔMICO NO PÁTIO ESCOLAR", p. 59-70 . In: Anais do 15º Ergodesign & Usihc [=Blucher Design Proceedings, vol. 2, num. 1]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/15ergodesign-11-E013

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações