Artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

ANÁLISE DA ADEQUAÇÃO ERGONÔMICA EM RELAÇÃO À ACESSIBILIDADE PARA DEFICIENTES VISUAIS EM SHOPPING CENTER

REVIEW OF ERGONOMIC ADEQUAcy OF ACCESSIBILITY TO VISUAL DEFICIENTS ABOUT SHOPPING CENTER

MONTEIRO, Thiago Marques; PAGANO, Sophia Mundim; PEREIRA, Nícolas Lopes; ZERBETTO, Cristiane A. A.;

Artigo:

Este trabalho visa a análise da acessibilidade a deficientes visuais de shopping center de uma cidade do norte do Paraná, por meio da avaliação qualitativa do ambiente e do sistema informacional presente. Os aspectos ressaltados levam em conta a ergonomia como padronização de qualidade tanto da arquitetura quanto da sinalização. Ao fim da pesquisa pode-se perceber a precariedade da regulação de ferramentas de acessibilidade em espaços abertos au público.

Artigo:

This work wish analyze the accessibility of visual deficient in a shopping center at city in the north of Paraná, by the qualitative evaluation of the ambient and of the local informational system. The highlighted aspects considers the ergonomics as quality standard both architecture and wayfind. The research notice the negligence of accessibility tools standards in open public spaces.

Palavras-chave: acessibilidade, adequação, ergonomia, accessibility, adequacy, ergonomics,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/15ergodesign-68-E163

Referências bibliográficas
  • [1] ANGROSINO, Michael. Etnografia e observação participante. Coleção Pesquisa Qualitativa - Coordenada por Uwe Flick. Porto Alegre: Artmed, 2009. Disponível em: Andlt;http://books.google.com.br/books?hl=pt- BRAndamp;lr=Andamp;id=slUfqvzo3Q8CAndamp;oi=fndAndamp;pg=PA7Andamp;d q=pesquisa+etnografica+qualitativaAndamp;ots=QPn3Tn- Vv7Andamp;sig=PfaIjfHjP2bJwl9HCYNhXvg1a_U#v=o nepageAndamp;q=pesquisa%20etnografica%20qualitativa Andamp;f=falseAndgt;. Acesso em: 24 set. 2014.
  • [2] BRASIL. DECRETO Nº 5.296 DE 2 DE DEZEMBRO DE 2004. Regulamenta as Leis Nºs 10.048, de 8 de novembro de 2000, que dá prioridade de atendimento às pessoas específicas, e 10.098, de 19 de dezembro de 2000, Disponível em: Andlt;https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2004- 2006/2004/Decreto/D5296.htmAndgt;. Acesso em: 20 set. 2014.
  • [3] CARLETTO, Ana Claudia. Desenho Universal: um conceito para todos. 2012.
  • [4] DALMOLIN, Bernadete Maria; LOPES, Stella Maris Brum e VASCONCELLOS, Maria da Penha Costa. A construção metodológica do campo: etnografia, criatividade e sensibilidade na investigação. Saúde Soc. [online]. 2002, vol.11, n.2, pp. 19-3 ISSN 0104-1290 Disponível em: Andlt; http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext Andamp;pid=S0104- 12902002000200003Andamp;lng=ptAndamp;nrm=iso Andgt;. Acesso em: 10 nov. 201
  • [5] FUNDAÇÃO Dorina Nowill - Deficiência visual, disponível em: Andlt;http://www.fundacaodorina.org.br/deficiencia -Andgt;visual/ Andgt;. Acesso em: 20 set. 2014.
  • [6] GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002.
  • [7] IIDA, Itiro. Ergonomia: projeto e produção. 2. ed. São Paulo: Blucher, 2005.
  • [8] LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisa; amostragem e técnicas de pesquisa; elaboração, análise e interpretação de dados. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2002.
  • [9] LEI Nº 10.098, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2000. Disponível em: Andlt;http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L100 98.htmAndgt;. Acesso em: 04 nov. 2014.
  • [10] MONTEIRO, Janete Lopes. Os desafios dos cegos nos espaços sociais: um olhar sobre a acessibilidade. Florianópolis, 2012, UFSC. Disponível em: Andlt;http://www.ucs.br/etc/conferencias/index.php/anpedsul/9anpedsul/paper/viewFile/1081/649Andgt; Acesso em: 20 set. 2014.
  • [11] NICHOLL, A.R.J. O Ambiente que promove a inclusão: conceitos de acessibilidade e usabilidade. Revista Assentamentos Humanos, Marília, v3, n. 2, p. 49-60, 2001.
  • [12] PARATODOS, Acessibilidade – Mapas táteis. Disponível em: Andlt;http://www.paratodosacessibilidade.com.br/prod_ det.php?id=23Andgt;. Acesso em: 18 nov. 2014.
  • [13] PUIME, Emilio, Diferenças entre espaço público privado e acessível ao público. Disponível em: Andlt;http://emiliopuime.jusbrasil.com.br/artigos/112339 069/diferencas-entre-espaco-publico-privado-e- acessivel-ao-publicoAndgt;. Acesso em: 20 set. 2014.
Como citar:

MONTEIRO, Thiago Marques; PAGANO, Sophia Mundim; PEREIRA, Nícolas Lopes; ZERBETTO, Cristiane A. A.; "ANÁLISE DA ADEQUAÇÃO ERGONÔMICA EM RELAÇÃO À ACESSIBILIDADE PARA DEFICIENTES VISUAIS EM SHOPPING CENTER", p. 380-390 . In: Anais do 15º Ergodesign & Usihc [=Blucher Design Proceedings, vol. 2, num. 1]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/15ergodesign-68-E163

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações